Google prepara múltiplas áreas de trabalho para Chrome OS

Função pode trazer problemas de desempenho para Chromebooks mais simples

André Fogaça
Por
• Atualizado há 2 anos

O Google pode estar próximo do lançamento de uma nova versão do Chrome OS, que roda em Chromebooks, com a adição de múltiplas áreas de trabalho. A implementação já circula em testes desde o segundo semestre do ano passado, mas está ganhando forma e funcionará de forma semelhante ao que acontece em outros sistemas operacionais.

Ter diversos desktops virtuais em uma máquina é o tipo de recurso que agrada apenas aos usuários mais exigentes, já que ele permite alternar rapidamente entre grupos de programas abertos – ou esconder, de forma rápida e até evitando notificações, o Facebook quando o chefe chegar por perto.

A função já existe no Linux, macOS e no Windows, e está chegando, sem muita pressa, ao Chrome OS desde o final de 2018. Ontem (13) um desenvolvedor publicou um vídeo onde mostra como será ativada a ferramenta, mas ainda não funcionando como se espera. O botão para adicionar as áreas de trabalho virtuais ainda não faz nada, mas já está posicionado no canto superior direito da tela.

Existe um único ponto onde os usuários podem ficar frustrados: quanto mais janelas abertas, mais poder de processamento e RAM serão necessários para manter tudo funcionando. Essa tarefa é especialmente complicada para modelos de Chromebooks mais simples, como todos os que são vendidos no Brasil.

As múltiplas áreas de trabalho podem ficar limitadas aos notebooks mais potentes, como solução para evitar que o desempenho caia quando inúmeras abas abertas – uma decisão comum em mercado de smartphones, mas não no de computadores.

Ainda não há informações sobre o lançamento das áreas de trabalho virtuais em uma versão estável e para o público, do Chrome OS.

Com informações: SlashGear.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
André Fogaça

André Fogaça

Ex-autor

André Fogaça é jornalista e escreve sobre tecnologia há mais de uma década. Cobriu grandes eventos nacionais e internacionais neste período, como CES, Computex, MWC e WWDC. Foi autor no Tecnoblog entre 2018 e 2021, e editor do Meio Bit, além de colecionar passagens por outros veículos especializados.

Canal Exclusivo

Relacionados