Google TV tem modo básico para quem não quer smart TV

A nova função remove todos os recursos do Google TV, com exceção da recepção de canais ao vivo por antena e as portas HDMI

André Fogaça
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Google TV oferece modo básico só com canais e portas HDMI (Imagem: reprodução/9to5Google)
Google TV oferece modo básico só com canais e portas HDMI (Imagem: reprodução/9to5Google)

O Google TV será o sucessor do Android TV em televisores vendidos pelo mundo, mas a interface para o sistema operacional lançada recentemente pelo gigante das buscas também conta com uma novidade aparentemente pouco esperada pelo público: um modo capaz de remover todos os recursos inteligentes, chamado “Basic TV”.

Quando você escolhe uma TV com recursos inteligentes, certamente espera todos eles funcionando perfeitamente logo no primeiro momento, realidade presente em praticamente todos os televisores lançados nos últimos anos e com mais de 32 polegadas. Porém, se alguém está mais interessado em colocar um Apple TV ou outro dongle em conexão HDMI do aparelho, o novo modo básico oferecido pelo Google TV pode ser uma alternativa.

A novidade foi encontrada em uma versão de testes da interface do Android TV para aparelhos de TV e que está rodando em um dongle para este fim, chamado ADT-3 – ele não é para dispositivos como o novo Chromecast. O modo chamado “Basic TV” é oferecido no momento da configuração inicial do televisor e libera apenas a recepção de canais ao vivo pela antena externa, além do acesso de produtos conectados em algumas das portas, como é o caso do HDMI. Nem mesmo o Google Assistente, chamado a partir do controle remoto, funciona.

Usuário pode alternar entre o Google TV completo e básico

Durante todo o tempo com o televisor com Google TV, o usuário pode alternar livremente entre os modos. Não está claro se remover a parte inteligente da Smart TV também elimina o acesso ao Chromecast embutido que este sistema operacional tem, assim como já oferece o Android TV vendido atualmente.

Tela inicial do Google TV básico (Imagem: reprodução/9to5Google)

Tela inicial do Google TV básico (Imagem: reprodução/9to5Google)

Uma vez ativado o modo básico, o único conteúdo exibido na tela inicial do Google TV é um ícone chamado “Dashboard”. Ele apresenta uma engrenagem e listras horizontais, é neste local que ficam os ajustes para recursos do hardware como imagem, som e sintonia de canais.

Na parte inferior da interface fica um banner bastante generoso e colorido com o nome da plataforma e “O entretenimento que você ama”, junto de ícones para serviços de streaming famosos como YouTube, Disney+, Amazon Prime Video, Netflix e Hulu. Me parece uma forma lúdica de lembrar o usuário que ele está perdendo recursos ao continuar no “Basic TV”.

Atualmente fabricantes como Sony e TCL contam com modelos já anunciados com o Google TV durante os dias de CES, em janeiro deste ano, mas ainda não está claro se elas receberão o recurso. Um representante do gigante das buscas disse ao 9to5Google que o modo básico é exclusivo para a nova plataforma e não será levado ao Android TV.

Eu não sei vocês, mas vejo utilidade no “Basic TV” para momentos em que a pessoa comprou a TV e não está familiarizada com os recursos inteligentes, como os mais idosos. É mais fácil ter apenas o “mudar canal”, “botão do volume” e pronto. Ou então para quem está preocupado com privacidade e não quer mais um aparelho escutando suas conversas, com o microfone do controle remoto.

Com informações: 9to5Google.

Receba mais sobre Google TV na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
André Fogaça

André Fogaça

Ex-autor

André Fogaça é jornalista e escreve sobre tecnologia há mais de uma década. Cobriu grandes eventos nacionais e internacionais neste período, como CES, Computex, MWC e WWDC. Foi autor no Tecnoblog entre 2018 e 2021, e editor do Meio Bit, além de colecionar passagens por outros veículos especializados.

Canal Exclusivo

Relacionados