iPadOS 14 deve dar suporte avançado a mouse e touchpad no iPad

Também são esperadas novas capas oficiais para iPad com teclado e touchpad

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
iPad Air (2019)

Quem já usou o iPad como substituto de um PC ou Mac pode ter sentido falta de uma função para mouse. Aparentemente, essa limitação está com os dias contatos: há indícios de que o futuro iOS 14 — e, portanto, o iPadOS 14 — terá suporte avançado a mouse e touchpad.

A informação vem do 9to5Mac, que encontrou referências para o novo recurso em uma versão para desenvolvedores do iOS 14. É verdade que o iOS 13 já traz suporte a mouse em suas opções de acessibilidade, mas, na nova versão do sistema operacional, essa característica deverá ser mais focada na praticidade.

É de se esperar que o suporte avançado permita que o usuário tenha experiência de uso do mouse no iPad similar à experiência no macOS, mas com algumas diferenças. O 9to5Mac dá como exemplo o desaparecimento do cursor se o usuário passar alguns segundos sem tocar no mouse ou touchpad; o cursor reapareceria assim que o usuário tentasse movê-lo.

Já na experiência similar ao mouse no Mac estaria a exibição de uma mão no lugar da seta quando o cursor for posicionado sobre um link, assim como suporte a gestos, a exemplo do toque com dois dedos para simular um clique com o botão direito.

O veículo também encontrou referências para dois modelos de Smart Keyboard, reforçando os rumores recentes de que a Apple lançará capas com teclado e touchpad junto ao próximo iPad Pro.

Esses não foram os únicos segredos recém-descobertos no iOS 14: o 9to5Mac encontrou ainda pistas para uma função no Apple Watch que mede o nível de oxigênio no sangue.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados