Os preços do iPhone 7 e iPhone 7 Plus no Brasil

Paulo Higa
Por
• Atualizado há 1 mês
iPhone 7

iPhone 7 e iPhone 7 Plus entraram em pré-venda no Brasil nesta sexta-feira (4) nas principais redes de varejo, pouco menos de dois meses depois do lançamento nos Estados Unidos. Os smartphones começarão a ser entregues em 11 de novembro, e os preços oficiais já foram revelados: quem quiser comprar um terá que desembolsar pelo menos R$ 3.499.

Desta vez, os valores não são os mesmos que já haviam sido divulgados anteriormente. Estes são os preços oficiais (entre parênteses, os preços nos Estados Unidos):

  • iPhone 7 de 32 GB: R$ 3.499 (US$ 649)
  • iPhone 7 de 128 GB: R$ 3.899 (US$ 749)
  • iPhone 7 de 256 GB: R$ 4.299 (US$ 849)
  • iPhone 7 Plus de 32 GB: R$ 4.099 (US$ 769)
  • iPhone 7 Plus de 128 GB: R$ 4.499 (US$ 869)
  • iPhone 7 Plus de 256 GB: R$ 4.899 (US$ 969)

Como de costume, a maioria das lojas dá desconto de 10% para pagamentos à vista, o que faz o preço cair para até R$ 3.149.

Curiosamente, o modelo de entrada do iPhone 7 não quebrou nenhum recorde de preço e está chegando menos caro que outros topos de linha lançados recentemente, como Galaxy S7 (R$ 3.999), Galaxy S7 Edge (R$ 4.299), Xperia XZ (R$ 3.999) e Zenfone 3 Deluxe (R$ 3.899) — embora mais caro que o Moto Z (R$ 3.199). Ele também está menos inacessível que o antecessor, que foi lançado no país em 2015 por R$ 3.999.

Por enquanto, iPhone 7 e iPhone 7 Plus estão disponíveis em pré-venda no Submarino, Fast Shop, Fnac, Ponto Frio e outros varejistas. As operadoras Claro, Vivo e TIM confirmaram que vão vender os novos iPhones a partir de 11 de novembro, assim como a própria Apple.

Confira o nosso review do iPhone 7.

Atualizado às 10h34 para corrigir a informação sobre a disponibilidade do preto brilhante.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados