OneDrive fica fora do ar em todo o mundo; suspeita é de ataque DDoS

Microsoft ainda não confirmou o motivo da falha; grupo Anonymous Sudan se diz responsável por este e outros problemas com os serviços da empresa ao longo da semana

Lucas Lima
Por
• Atualizado há 8 meses
Logo do OneDrive
OneDrive (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

Os serviços da Microsoft voltam a apresentar problemas nesta quinta-feira (8). Dessa vez é o OneDrive que está inacessível: a página tenta carregar, mas depois exibe a mensagem de erro “Desculpe, ocorreu um problema”. Apesar de a Microsoft não confirmar, a suspeita é de um ataque DDoS.

Em uma atualização na página de status dos serviços do Microsoft 365, a empresa escreveu: “Analisamos a telemetria do OneDrive que captura esse cenário de impacto para determinar a origem das falhas de acesso ao serviço e começar a identificar um plano de mitigação”.

Mensagem de erro do OneDrive
Mensagem de erro do OneDrive (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Às 16h, a Microsoft atualizou a página de status informando que a análise continua e processos estão sendo feitos para aliviar os sistemas. A próxima atualização no caso está prevista para às 18h.

Apesar de a Microsoft não assumir que se trata de um ataque DDoS, as suspeitas estão relacionadas às reivindicações feitas pelo grupo ativista “Anonymous Sudan”, em um canal do Telegram. Eles também afirmam ter dados de mais de 30 milhões de clientes que a Microsoft.

Às 16h16 o grupo diz ter parado os ataques ao OneDrive: “Ficaremos satisfeitos com essa duração de 3 horas”. Em seguida, o serviço voltou a funcionar.

Microsoft 365 teve diversas falhas ao longo da semana

O grupo Anonymous Sudan também pode ter sido o responsável pelas falhas que ocorreram ao longo desta semana com os produtos da Microsoft.

Na quarta-feira (7), usuários não conseguiam criar documentos no Word ou Excel. Uma tela preta era exibida. O Outlook também ficou instável, quando usuários não conseguiam enviar, receber ou ver e-mails.

Na segunda-feira (5), além de problemas ao enviar mensagens no Outlook e no aplicativo mobile, o calendário também ficou com problemas.

Com informações: BleepingComputer.

Relacionados