Samsung registra marcas na Inglaterra que podem estar relacionadas com novos vestíveis

Fabricante teve direitos sobre Samsung Circle, Index e Insight aprovados no Reino Unido; há a possibilidade de dispositivos serem do óculos VR da marca

Felipe Freitas
Por
• Atualizado há 11 meses
Samsung (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)
Samsung (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

A Samsung registrou recentemente a marca de três novos produtos. Os direitos da sul-croeana para explorar as marcas Samsung Circle, Samsung Index e Samsung Insight foram encontrados no Escritório de Propriedade Intelectual do Reino Unido (UKIPO na sigla em inglês). Os três “futuros produtos” foram classificados no item que engloba vestíveis (entre outros), indicando que podem ser novos dispositivos do portfólio de wearable da fabricante.

Todavia, há outra possibilidade: esses eletrônicos, ou pelo menos um deles, pode ter ligação com os futuros óculos de realidade virtual da Samsung. Em fevereiro, durante o lançamento da série Galaxy S23, a fabricante confirmou que está desenvolvendo novos óculos RV em parceria com a Qualcomm e Google. Desde então, nada mais foi comentado sobre o equipamento.

Nomes registrados no Reino Unido não revelam muita coisa

As marcas registradas no UKIPO — Index, Circle e Insight — não deixam claro o que seriam esses novos produtos da Samsung. Index é também o nome em inglês do dedo indicador (fura-bolo para as crianças), o que traz a mente uma ideia de smart ring.

Smart rings podem, no futuro, substituir os smartwatches para monitoramento de atividades físicas. Além de servir como um dispositivo mais compacto para avaliar a saúde de pessoas idosas e que não estão dispostas a usar relógios inteligentes. No ano passado, a Samsung patenteou um “Galaxy Ring” nos Estados Unidos e na Coreia do Sul.  

Oura Ring Gen 3 (Imagem: Divulgação/Oura)
Oura Ring Gen 3 é o principal smart ring do mercado — e futuro rival da Samsung (Imagem: Divulgação/Oura)

Mas claro, o nome Index pode nos enganar. A classificação 9 dos três produtos englobam também: controles para computadores, óculos de realidade aumentada, smartglasses e “aparatos e instrumentos para fotografia”.

A parte de óculos para realidade aumenta/virtual/mista é tão forte para o uso dos futuros produtos quanto a de vestíveis. Alguma dessas marcas (ou talvez todas) pode estar relacionada ao futuro headset VR da Samsung. Os dispositivos podem ser acessórios do óculos, como um joystick.

Com informações: SamMobile (1 e 2) e WIPO

Receba mais sobre Samsung na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Freitas

Felipe Freitas

Repórter

Felipe Freitas é jornalista graduado pela UFSC, interessado em tecnologia e suas aplicações para um mundo melhor. Na cobertura tech desde 2021 e micreiro desde 1998, quando seu pai trouxe um PC para casa pela primeira vez. Passou pelo Adrenaline/Mundo Conectado. Participou da confecção de reviews de smartphones e outros aparelhos.

Relacionados