Telegram no celular com pessoa pedindo silêncio

O Telegram ganhou uma atualização no final de semana para levar a função de fotos e vídeos que se autodestroem para qualquer conversa individual — até então, um recurso semelhante funcionava apenas nos chats secretos, que são criptografados de ponta a ponta.

A partir da versão 4.2, em qualquer chat individual, ao anexar uma foto ou vídeo, toque na miniatura do arquivo e depois no botão de cronômetro, no canto inferior direito da tela. Você pode escolher um tempo de 1 segundo a 1 minuto para que o arquivo desapareça depois de ser visualizado pelo contato.

Como de costume em recursos do tipo, caso seu contato tire uma screenshot, você receberá uma notificação.

Além das fotos e vídeos autodestrutíveis, o Telegram está ganhando um editor de imagens mais completo, que permite ajustar as luzes, sombras e vinheta; suporte a biografias em perfis; e hospedagem de arquivos de grandes canais (mais de 100 mil membros) em CDN, para melhorar a velocidade de acesso.

Receba mais sobre Telegram na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados