Tinder adiciona modo anônimo e permite bloquear pessoas

App também facilitou seu sistema de denúncias por mau comportamento, permitindo que o usuário se queixe diretamente pelo bate-papo

Paula Alves
Por
App Tinder (Imagem: Kon Karampelas/Unsplash)
App Tinder (Imagem: Kon Karampelas/Unsplash)

Nesta terça-feira (7), o Tinder anunciou uma série de novos recursos de privacidade e denúncia que permitem que o usuário tenha mais controle sobre suas interações com outros membros da plataforma. Além de um modo de navegação anônima e da possibilidade de bloquear perfis indesejados, a rede também atualizou suas ferramentas de denúncia e de combate à linguagem ofensiva.

Única das novas ferramentas que é exclusiva para assinantes, o modo anônimo do Tinder é, segundo a plataforma, um upgrade do recurso que eles já possuíam de ocultar totalmente um perfil.

Embora o primeiro ainda exista, essa nova ferramenta permite que o usuário continue vendo e curtindo os perfis que desejar, mas que apenas as pessoas que ele gosta o encontrem em suas recomendações.

Segundo a rede, essa é uma forma de assumir “o controle total sobre quem vê você enquanto navega pelos perfis no Tinder”.

Tinder adiciona modo anônimo e permite bloquear pessoas / Tinder / Divulgação
Modo anônimo e recurso de bloquear pessoas do Tinder (Imagem: Divulgação / Tinder)

Enquanto isso, a nova opção de bloquear pessoas do app é, como o próprio nome diz, um mecanismo de privacidade que concede ainda mais poder de escolha ao membro. Graças a ela, ao se deparar com uma sugestão de perfil, o usuário tem a possibilidade de bloquear a conta em questão, caso não queira vê-la novamente.

Embora ajude a evitar situações desagradáveis, como, por exemplo, a de se deparar constantemente com um ex-namorado, vale ressaltar que o recurso deve ser usado com cuidado, já que após utilizado, não pode ser desfeito.

Maior combate à linguagem ofensiva

Visando facilitar a experiência do usuário que se deparou com um comentário ofensivo e deseja denunciá-lo à plataforma, o aplicativo também implementou um novo sistema de denúncias.

Agora, ao abrir um bate-papo e encontrar uma mensagem que expresse um mau comportamento, o usuário pode se queixar diretamente pela conversa. Para isso, basta que ele mantenha o dedo pressionado sobre a mensagem e escolha a opção em questão.

A mudança, segundo a rede, também é uma forma de incentivar que as pessoas de fato denunciem comentários inapropriados, ajudando a plataforma a identificar contas que violam as diretrizes da comunidade.

Tinder é um aplicativo de namoro online (Imagem: Yogas Design/Unsplash)
Tinder é um aplicativo de namoro online (Imagem: Yogas Design/Unsplash)

Por fim, o Tinder também atualizou a linguagem padrão da rede, de maneira a incluir um maior número de termos e mensagens que o app considere de alguma forma prejudiciais ou ofensivos.

Junto da atualização, ele implementou um sistema de aviso, disparado para o usuário quando ele decide compartilhar uma mensagem que contenha alguma dessas palavras. Ao tentar fazer isso, a mensagem “Tem certeza?” irá aparecer na tela, fazendo com que o membro possa repensar o conteúdo que está compartilhando.

Da mesma forma, caso receba alguma mensagem mal-intencionada, a frase “Isso te incomoda” também surgirá, incentivando a pessoa a denunciar o bate-papo, caso ache necessário.

Com informações: Tinder, TechCrunch e Engadget

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paula Alves

Paula Alves

Repórter

Paula Alves é jornalista especialista em streamings e cultura pop. Formada pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), antes do Tecnoblog, trabalhou por sete anos com jornalismo impresso na Editora Alto Astral. No digital, escreveu sobre games e comportamento para a Todateen e sobre cinema e TV para o Critical Hits. Apaixonada por moda, já foi assistente de produção do SPFW.

Canal Exclusivo

Relacionados