WhatsApp lança no Brasil sua primeira campanha de marca do mundo

Índia é o maior mercado do app no mundo, mas o Brasil recebeu a primeira campanha de marca

André Fogaça
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
ícone do aplicativo do WhatsApp no iPhone

O WhatsApp começa a divulgar hoje (13) sua primeira campanha de marca que foi feita no Brasil e para o Brasil, onde mostra a capacidade da plataforma de ajudar indiretamente a solução de algum problema sério. Mesmo com o Brasil não sendo o maior mercado do aplicativo, ele foi escolhido para a primeira propaganda da empresa.

“O Brasil é um dos principais mercados para a companhia em todo o mundo, por isso decidimos lançar a campanha aqui e homenagear solidariedade dos brasileiros inspirada em uma das tradições mais queridas do país.”, diz Taciana Lopes, líder de Consumer Marketing do Facebook Brasil.

O vídeo, de um minuto, mostra a história da rivalidade de duas agremiações e que foi inspirada em um acontecimento de verdade, com a paulista Independente Tricolor que teve a quadra incendiada em outubro do ano passado e recebeu ajuda das escolas rivais para reerguer sua estrutura – incluindo fantasias e carros alegóricos.

A peça publicitária será veiculada dentro do Facebook e Instagram (nada de YouTube), além da TV aberta e de a cabo, além de salas de cinema – naquele momento que você está olhando o celular e não as propagandas.

Mesmo com a primeira produção acontecendo no Brasil, o WhatsApp diz que está produzindo versões diferentes em outros países como México, Alemanha, Índia (maior mercado do WhatsApp no mundo) e Estados Unidos, com alguns deles criando as peças em cooperação entre dois ou mais.

Receba mais sobre WhatsApp na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
André Fogaça

André Fogaça

Ex-autor

André Fogaça é jornalista e escreve sobre tecnologia há mais de uma década. Cobriu grandes eventos nacionais e internacionais neste período, como CES, Computex, MWC e WWDC. Foi autor no Tecnoblog entre 2018 e 2021, e editor do Meio Bit, além de colecionar passagens por outros veículos especializados.

Canal Exclusivo

Relacionados