Como escolher uma mesa de trabalho ergonômica para o seu perfil

O ambiente influencia na saúde e produtividade; saiba como escolher uma mesa de trabalho ergonômica para o seu perfil

Leandro Kovacs
Por

Muitos já falam de mouses ergonômicos, iluminação, monitores na altura certa e cadeiras, mas como fica a base de tudo isso, a mesa? Veja abaixo, como escolher uma mesa de trabalho ergonômica para o seu perfil, evitando problemas de saúde provocados por posturas incorretas em longos períodos de tempo durante o trabalho.

Como escolher uma mesa de trabalho ergonômica para o seu perfil? (Imagem: James Mcdonald/Unsplash)
Como escolher uma mesa de trabalho ergonômica para o seu perfil? (Imagem: James Mcdonald/Unsplash)

O que seria uma mesa ergonômica?

Uma mesa ergonômica deve ser projetada para evitar que o usuário se machuque ou trabalhe em um ângulo desconfortável. Seu objetivo é prevenir lesões comuns, como por esforço repetitivo, síndrome do túnel do carpo, desconforto nos membros superiores, dor de cotovelo, dor de pescoço e dor nas costas.

Uma mesa ergonômica também oferece máximo conforto para o usuário, aumentando o foco e a produtividade do trabalho. Uma mesa ergonômica será montada na altura certa para o indivíduo e para a cadeira utilizada. Objetos colocados sobre a mesa, como teclado e mouse, também devem ser colocados na distância correta e ser facilmente alcançáveis.

Como saber se minha mesa é ergonômica

Ergonomia não é um selo de marca, funciona como estar ajustado ao grupo de conceitos que explicam o termo, portanto, a sua mesa atual pode ser ergonomicamente funcional para o seu perfil. Alguns pontos principais podem ser destacados para essa investigação sobre a mesa, identificando-a como ergonômica, tanto para ajustes como para compra de um novo modelo.

1. Altura correta

  • Se estiver sentado com os pés apoiados — com a planta do pé inteira — no chão, com as pernas confortavelmente sob a mesa, criando ângulos de 90 graus nos joelhos;
  • Deve-se ter espaço suficiente para cruzar as pernas;
  • O ângulo entre o antebraço e o braço — ao trabalhar na mesa — deve estar entre 90 graus e 110 graus;
  • Os braços estão alinhados com seu torso;
  • As mãos devem estar confortavelmente apoiadas na mesa se ela estiver na altura certa.

2. Mesas ajustáveis

Se possível financeiramente, invista em uma mesa que possa ser ajustada ao longo do dia. Alterar a postura pode ajudar a prevenir lesões relacionadas a movimentos repetitivos e combater a fadiga.

Uma mesa ajustável permite que se defina a altura de toda a estação de trabalho com precisão e nível de conforto. Mesas ajustáveis e mesas com suporte para sentar estão se tornando mais populares devido à sua flexibilidade e capacidade de atender ao usuário.

Modelo simples de mesa ajustável (Imagem: Madeira Madeira/Divulgação)
Modelo simples de mesa ajustável (Imagem: Madeira Madeira/Divulgação)

3. Posição do monitor

Um monitor mal colocado pode ser a causa de muitos problemas de saúde, incluindo dores no pescoço e nos ombros e dores de cabeça. Colocar o monitor muito perto irá forçar seus olhos, enquanto colocá-lo muito longe pode fazer você se inclinar para a frente.

O monitor deve ser colocado a cerca de 20 polegadas à sua frente, ou à distância de um braço, portanto sua mesa deve garantir isso.

4. Posição de mouse e teclado

O mouse deve ser posicionado de forma que mantenha os braços em um ângulo de 90 graus ou abaixo. O teclado deve ser colocado logo abaixo do nível do cotovelo. Ele deve estar plano sobre a mesa ou ligeiramente inclinado para longe do usuário.

Um conceito completo de ergonomia

Como vimos acima, para a mesa ser ergonômica não basta que ela esteja somente na altura correta. É sim o fator principal, mas a mesa precisa atender uma série de conceitos que envolvem outros materiais que são colocados sobre a mesa, quanto maior o número de situações puderem ser configuradas na mesa em questão, maior será o seu nível de ergonomia.

Para escolher corretamente uma mesa ergonômica para o seu perfil procure o máximo de pontos citados para o conforto do posicionamento correto, mas pelo menos, a altura deve ser a ideal, sem o básico seu trabalho será muito prejudicado.

Outro ponto que vale muito a pena ser considerado ao tratar da ergonomia total do seu ambiente de trabalho, é a cadeira — a parceira ideal de trabalho em conjunto com a mesa, combinadas já trazem inúmeros benefícios. 

Com informação: CMD, NBC.