Início / Testamos / Celular /

Uma olhada de perto no Xperia Z3+

Topo de linha da Sony chega ao Brasil com preço sugerido de R$ 2.999

Por

Mais um semestre passou, mais um flagship da Sony chegou. A fabricante japonesa, que continua com um ciclo rápido de lançamentos, trouxe ao Brasil o Xperia Z3+, uma pequena atualização do Xperia Z3, que muda uma coisinha no hardware, outra coisinha no design e… quais as novidades? Estou com o aparelho em mãos e te conto nos próximos parágrafos.

O nome do aparelho já indica que não estamos diante de uma grande mudança: no Japão, o smartphone foi lançado como Xperia Z4, mas ele será vendido internacionalmente como Xperia Z3+. Primeiro, dá para apontar o que não mudou: a tela IPS LCD de 5,2 polegadas com resolução de 1920×1080 pixels, os 3 GB de RAM, a câmera traseira de 20,7 MP e a resistência contra água (IP68).

xperia-z3-plus-lateral xperia-z3-plus-lateral-tras

Em relação ao Xperia Z3, as boas novidades são a capacidade de armazenamento, que dobrou para 32 GB (a entrada para microSD continua presente); o upgrade na câmera frontal, que passa a ter sensor de 5,1 megapixels e lente grande angular (ah, a moda das selfies…); e a atualização no processador, que agora é o polêmico octa-core Snapdragon 810, da Qualcomm. A estratégia é simples: manter sempre o hardware mais atualizado no mercado.

As bordas não possuem mais aquele aspecto metálico prateado, que sempre marcou a linha Xperia Z. Mas o material continua o mesmo: a Sony apenas aplicou um revestimento diferente para evitar descascamentos, e a sensação ao toque continua boa. Ah, claro: assim como no Xperia M4 Aqua, você não precisará mais abrir uma portinha só para acessar o conector Micro USB (yay!).

xperia-z3-plus-usb xperia-z3-plus-sim

No Brasil, a única versão comercializada será o Xperia Z3+ Dual, com suporte a dois chips. Não há mais o recurso de TV digital, e a Sony não planeja lançar uma variante com essa funcionalidade, o que é uma pena; a empresa era uma das poucas que produziam topos de linha com TV. A pulseira SmartBand também não vem mais no pacote: o único mimo dentro da caixa é uma película protetora.

A capacidade da bateria diminuiu de 3.100 mAh para 2.930 mAh, provavelmente para deixar o aparelho ainda mais fino: agora são 6,9 mm de espessura, contra 7,3 mm do Xperia Z3. Precisamos ver o que isso muda na prática (a Sony continua prometendo até dois dias de autonomia), mas a escolha é questionável. A bateria já havia diminuído (era de 3.200 mAh no Xperia Z2), aparentemente com o único intuito de reduzir a espessura. E, sinceramente, esse milímetro a menos não fez a menor diferença.

xperia-z3-plus-frente

Reflexo da alta do dólar, o Xperia Z3+ tem preço de lançamento de R$ 2.999, o que é bem alto se considerarmos que o antecessor pode ser encontrado sem dificuldade por menos de 2 mil reais no comércio online. Veremos como o Xperia Z3+ se comportará nas próximas semanas.

Estamos com o Xperia Z3+ em mãos e o review será publicado em breve. O que vocês querem saber sobre ele?