Início » Software » As políticas do Google Play ficaram mais rigorosas para evitar malwares e anúncios abusivos

As políticas do Google Play ficaram mais rigorosas para evitar malwares e anúncios abusivos

Por
4 anos atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Sem um bom ecossistema de aplicativos e conteúdo, uma plataforma móvel não vai muito longe. É por isso que o Google está tratando de cuidar melhor da loja online do Android: recentemente, a companhia promoveu pequenas, mas significativas mudanças nas políticas do Google Play para deixar o serviço mais protegido contra spam, malwares e outras experiências ruins.

Um dos pontos revisados que mais devem agradar aos usuários se refere às interferências no sistema: agora está explícito que os apps do Google Play não podem baixar software adicional sem o conhecimento e autorização do usuário, tampouco substituir aplicativos, modificar as configurações do dispositivo ou incluir atalhos na tela inicial ou em navegadores para serviços de terceiros.

De igual forma, os aplicativos não poderão fazer uso de nenhum artifício para induzir o usuário a remover determinado programa. Uma exceção pode ser concedida para antivírus e outros softwares de segurança.

Google-Play-Logo

As políticas ficaram mais rígidas também em relação aos anúncios. Banners só poderão ser exibidos dentro da interface do app, não podendo aparecer na área de notificação, exceto no caso de software que têm essa finalidade, como os que verificam promoções de passagens aéreas.

E tem mais: em hipótese alguma o usuário poderá ser condicionado a clicar no anúncio para usufruir do aplicativo ou ser penalizado de alguma forma por fechar um anúncio, assim como ter seus dados pessoais capturados para fins publicitários sem o seu consentimento.

O Google também quer evitar que desenvolvedores utilizem técnicas desleais para favorecer seus aplicativos nas buscas do serviço, por isso, deu uma melhorada nas regras já existentes contra o spam: a utilização massiva de palavras-chave em títulos e descrições está proibida, o mesmo valendo para reviews pagos ou estímulos para votações positivas, por exemplo.

As políticas completas podem ser conferidas aqui (a versão em português ainda não foi atualizada). Os desenvolvedores estão sendo notificados por e-mail sobre a atualização e terão, se for o caso, 30 dias para aplicar as alterações cabíveis, do contrário, poderão ter seu aplicativo banido do Google Play.

Com informações: The Next Web

Mais sobre: , ,
    • Henrique Dourado

      esta atitude é otima para os usuarios já que evita grandes problemas
      eu instalei um aplicativo que ficava exibindo anuncio nas notificações , isso é chato
      mais fiz uma coisa simples , desinstalei ele
      a vida util do aplicativo que faz isso é curta porque vão acabar desinstalando ele por ser chato

    • Rafael Silva

      Tomara que caia mesmo. Quem disse que quero pesquisar por porcarias?! Sorte que os softwares que me interessam nenhum me deu problema até hoje. Saber usufruir ajuda um pouco 🙂

  • viniciusghietti

    Parabéns a Google! De pouco em pouco vai melhorando o Android 🙂

  • trovalds

    Política do “ao contrário”: primeiro a gente inunda a loja de aplicativos, depois a gente enrijece as regras aos poucos, conforme a demanda.

  • Vinicius Kinas

    “assim como ter seus dados pessoais capturados para fins publicitários sem o seu consentimento.”

    É só fazer como o Google e colocar uma cláusula lá no meio da política de privacidade. Aí obriga o usuário a aceitar o TOS na primeira utilização e pronto, temos consentimento. 🙂

  • portela.thiago

    ótima notícia. Meu emulador favorito de N64 enche meu aparelho de propagandas, é um porre… o foda é q eles não tem uma versão paga, eu compraria se tivesse..

  • Bruno Guerreiro

    Achei muito boa a decisão do Google! Mas demorou ter saído…

    Principalmente no que diz sobre publicidade dentro de notificações… Sério, é uma coisa simplesmente horrível quando um aplicativo faz isso. Tanto é que quando acontece comigo, eu desinstalo o aplicativo na hora e ainda avalio negativo dentro da Play Store.

    Para usuários mais leigos, que vão simplesmente instalando aplicativos -e geralmente não desinstalam-, é normal ter uma bandeja de notificações CHEIA de publicidade. Isso afeta a percepção do usuário da plataforma Android como um todo.