Um dia depois da aguardada chegada do Office ao iPad, a Microsoft liberou o pacote para iPhone e Android da necessidade de assinatura: não é mais necessário comprar o Office 365 para utilizar os aplicativos para editar documentos.

A Microsoft fez essa mudança para “uso doméstico” nos smartphones, ou seja, nada de usar para trabalhar. Até que faz sentido, já que não deve ser muito agradável passar o dia criando e editando planilhas numa tela tão diminuta, tampouco escrever relatórios inteiros.

office-iphone

Office no iPhone

As versões do Office 365 para computadores e iPad, mais indicadas para trabalhar, continuam precisando da assinatura para possibilitar a edição de documentos. Ainda assim, o número de downloads em smartphones deve sofrer um aumento grande agora que está gratuito.

Vale lembrar que a concorrência – Apple com iWork e Google com Drive – já oferecia serviços semelhantes sem cobrar nada. Além de ficar no mesmo pé que a concorrência (ou melhor, mais ou menos: os editores da Apple e do Google são gratuitos também para tablets), a Microsoft tem mais uma vantagem implícita em liberar o Office gratuito: mais downloads do pacote significam um aumento no uso do OneDrive, seu serviço de armazenamento em nuvem.

Ainda relacionado ao Office em dispositivos móveis, um porta-voz garantiu ao The Next Web que versões otimizadas para tablets que rodem Android e Windows estão a caminho, mas sem dar mais detalhes sobre o lançamento.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rodrigo Silva Barretos
Isso explica pq meu app do Android ainda tá fundando mesmo eu tendo parado de pagar o 365. Ainda bem =)
Thiago Sabaia
Prefiro usar o Pages da Apple que é totalmente de graça.
James Rafael
São pagos apenas para quem possuía - ou criou - contas na Apple Store antes de setembro de 2013 (do lançamento do iOS 7). A partir desse mês, a todos que criaram novas contas (ou compraram novos aparelhos) receberam o pacote iWork de graça - eu recebi ?.
Lucas Moreira
"Vale lembrar que a concorrência – Apple com iWork e Google com Drive – já oferecia serviços semelhantes sem cobrar nada." Posso não ter entendido, mas considera essa afirmação equivocada. O Pages, Numbers e Keynote (iWork) para iOS custa $10 cada.
Ivan Carlos
achei, os aplicativos são individuais =)
Ivan Carlos
A versão Office pra iPad já chegou mesmo ou só foi anunciada? Não achei ele não... só a versão iPhone/Android parece estar disponível.