Início » Inteligência Artificial » Robô "guepardo" do MIT agora pode pular obstáculos

Robô "guepardo" do MIT agora pode pular obstáculos

Emerson Alecrim Por

O Cheetah (guepardo) é um robô quadrúpede que ganhou o noticiário em 2012 após bater o recorde de velocidade para uma máquina com "pernas" - na ocasião, 45,5 km/h. Desde então, o Cheetah vem sendo aperfeiçoado. Um dos resultados desses esforços acaba de ser revelado: o robô agora é capaz de pular obstáculos.

Robô Cheetah

Criado pelo MIT em parceria com a DARPA (tendo também envolvimento da Boston Dynamics, companhia de robótica hoje pertencente ao Google), o Cheetah já conseguia pular, no entanto, não era capaz de identificar obstáculos e, assim, saltar no momento certo.

Os pesquisadores resolveram o problema colocando um sensor à laser na parte frontal do robô. Com o componente, o Cheetah consegue mapear o caminho à frente.

As informações geradas são enviadas em tempo real para um algoritmo de três partes. A primeira permite ao robô estimar o tamanho e a distância do obstáculo. A segunda utiliza essa estimativa para prever o melhor momento e a posição para saltar. A terceira entra em ação no momento da ação determinando a trajetória do salto.

Segundo Sangbae Kim, professor de engenharia do MIT e um dos pesquisadores do projeto, o algoritmo foi desenvolvido para viabilizar os saltos, não para otimizá-los. Isso significa que o Cheetah pode dar um pulo maior que o necessário. O importante é que o robô consiga tomar uma decisão rapidamente e executar o salto com sucesso.

Nos testes com uma esteira de 4 metros de comprimento, o Cheetah conseguiu identificar e pular sobre obstáculos em 70% das tentativas. Em uma pista, a quantidade de acertos passou de 90% graças ao espaço maior que o robô tinha para se aproximar e identificar os obstáculos para então planejar o salto.

Os índices de acertos nos testes são muito bons (e invejáveis: com base nas minhas lembranças das aulas de educação física, eu teria caído antes do primeiro obstáculo), mas, obviamente, os cientistas trabalham para melhorá-los, inclusive em condições adversas: o objetivo agora é fazer com que o Cheetah consiga pular em terrenos macios, como um gramado.

Com informações: Phys.org

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Evrtn Zmgn Pbn
Minha resposta não tem bom nem mal humor, apenas argumentei seu comentário. Também não saquei o motivo de você ter ficado chateado pelo meu comentário ser contrário ao seu ponto de vista.
willian hideo katahira
Essa notícia me lembrou o recente filme "Spare Parts" que conta a história de um grupos de alunos do ensino médio que participa de uma competição de submarinos aquáticos... O motivo pelo qual eu lembrei do filme, assista! rs
Mari Souza
kkkk doidera. www.tribos.org
Bruno Martins Santana
Eu Reso para que a bateria desses Robos Dure o mesmo que a do meu Celular.... Se Durar q nem os Nokias antigos tamu Fudidos !
Edmilson_Junior
O problema é acertar o tiro.
Karel Cristian
Dá pra importar (imagina o imposto hehe) uns desses "bem equipados" pra Brasília? Lá tem muito espaço pra eles correrem...
Alberto Prado
Eu saquei velho. O que não to sacando é tua falta de humor... Tenso heim, ta doido. ¬¬'
Evrtn Zmgn Pbn
Cara, os caras projetaram essa "coisa desnecessária" apenas pra testar e desenvolver algoritimos que depois podem ser aplicados em diversas outras coisas "úteis". Sem dúvida não é a ideia deles produzir um super cachorro cibernético e sim testar modelos eficiêntes pra resolver problemas de engenharia sacou.
T-800
( ?° ?? ?°)
Ricardo - Vaz Lobo
acho q um m-16 faria um estrago melhor e à distância.
Leandro Nascimento
Brace yourselves... Skynet is coming!
Helio Osako
Implementa uma serra elétrica nele e bye-bye humanidade!
Ricardo - Vaz Lobo
MIT + DARPA + GOOGLE = Genial e aterrorizante. Imagino uma unidade de combate composta de monstros como esse desembarcando num paiseco desses...
Vitor Coelho
O sensor 2D só "enxerga" pra frente e pra baixo, headshot resolve o
TJ Lopes

A Skynet curtiu isso com um duplo twist carpado.

Exibir mais comentários