Início » Computador » Microsoft Surface Pro tem bateria de 13,5 horas e caneta stylus melhorada

Microsoft Surface Pro tem bateria de 13,5 horas e caneta stylus melhorada

Por
1 ano atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A quinta geração de tablets dois-em-um da Microsoft se chama apenas Surface Pro. Ele tem um processador mais recente, maior duração de bateria e uma caneta stylus melhorada.

Há poucas mudanças no Surface Pro em relação a seus antecessores — trata-se de um avanço incremental. Em relação ao design, os cantos são mais arredondados, e o kickstand agora tem um ângulo maior de 165 graus.

O Surface Pro usa processadores da geração Kaby Lake da Intel. Você pode escolher entre um Core m3 ou i5 sem ventoinha, ou um Core i7. Graças à maior eficiência desses chips, a Microsoft promete uma autonomia de até 13,5 horas.

O resto permanece o mesmo. A tela mantém suas 12,3 polegadas, resolução 2736 × 1834 e proporção 3:2. Assim como antes, haverá versões com 4 GB, 8 GB ou 16 GB de RAM e 128 GB, 256 GB, 512 GB ou 1 TB de armazenamento.

Ainda há uma câmera traseira de 8 megapixels e uma frontal de 5MP com suporte a biometria por Windows Hello. E o dispositivo roda Windows 10 completo, não a versão 10 S que limita apps de fora da Loja.

Não há porta USB-C aqui. Para conectividade, temos uma porta USB 3.1 e uma mini-DisplayPort, mais o conector proprietário Surface Connect para carregar a bateria e encaixar o dock da Microsoft. Há entrada 3,5 mm para fone de ouvido, e um leitor de cartão microSD escondido atrás do kickstand.

A Surface Pen também foi atualizada, e está bem melhor. A sensibilidade à pressão aumentou para 4.096 níveis, contra 1.024 em versões anteriores. A Microsoft diz que a latência foi reduzida ainda mais, sendo “duas vezes mais sensível” que o Apple Pencil.

Além disso, ela detecta inclinação, tornando-se uma ferramenta artística muito mais flexível. Este recurso estará disponível inicialmente apenas para o Surface Pro, mas será expandido para outros modelos com uma atualização de firmware.

Enquanto isso, os teclados Type Cover foram atualizados com teclas que afundam um pouco mais ao serem pressionadas, fornecendo um feedback melhor. Eles também são compatíveis com o Surface Pro 3 e Pro 4.

O Surface Pro custa entre US$ 799 e US$ 2.699 sem os acessórios, que são vendidos separadamente. O modelo mais simples tem processador Core m3, 4 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. A versão mais cara traz um Core i7, 16 GB de RAM e 1 TB de espaço. A capa com teclado custa a partir de US$ 129; a caneta sai por US$ 99.

A pré-venda começa hoje em 26 países; a lista não inclui o Brasil.

Com informações: Ars Technica, The Verge.