Início » Negócios » Google lança concorrente do PayPal para compras online no Brasil

Google lança concorrente do PayPal para compras online no Brasil

Felipe Ventura Por

O Google está lançando hoje uma forma de agilizar pagamentos online. O "Pagar com Google" permite usar seu número de cartão de crédito para fazer compras em sites e aplicativos, sem ter que digitá-lo em cada loja.

O funcionamento é simples: seu número de cartão já está armazenado com o Google se você fez uma compra na Play Store, por exemplo. Então, basta entrar em um site ou app compatível, tocar no botão "Pagar com Google" e autorizar a transação.

Isso funciona basicamente como o PayPal e o PagSeguro, e está disponível em 15 estabelecimentos nos EUA, Reino Unido e Brasil — por aqui, você já pode usá-lo no iFood, Magazine Luiza, Wish, Peixe Urbano e Hotel Urbano. O Pagar com Google chegará em breve ao Groupon, Netshoes e Airbnb.

A novidade foi revelada em maio, durante a conferência I/O, e usa a Payment API. Com ela, o Google envia à loja apenas seus detalhes de pagamento e endereço cadastrado na sua conta. Se você é desenvolvedor, "pode implementar a API com apenas algumas linhas de código, e é grátis — não cobramos taxas de transação", explica a empresa.

O Google está realmente interessado em ser um intermediário de pagamentos. Ainda este ano, teremos o Android Pay no Brasil — alguns bancos já se preparam para o serviço.

Com informações: Google, G1.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Anakin
ah, por isso leva tudo na gozação, droga, perdi meu precioso tempo rs
Nicolas Gleiser
faço programas
Magnosama
Infelizmente o A1 não tem um hardware topo de linha.
Anakin
qual sua profissão amigo?
Antonio Araújo
Eu devo ser muito importante para eles e me preocupar kkkkkkk Eu adoro propaganda direcionada ao que eu quero, melhor do que o que não quer. :)
Krosna Terrestre
sua privacidade.
Thalles Ferreira
Você não tem como controlar quem acessa seu canal, só se for privado. Que pena.
brunocabral
Sou dono do canal e essas SÃO AS REGRAS. Quem não gostou que procure outro canal. Nem relógio trabalha de graça.
Thalles Ferreira
Quando você for dono do YouTube você bota essa regra lá, beijos.
brunocabral
Se acha que tem razão então não acesse o YouTube. Gente como você tem que ficar BEM LONGE!
Sammy
Exatamente, não adianta dá um CPM alto pra todo mundo, se o retorno não vai ser resultante ao valor estipulado pela google, então nada mais justo que cortar alguns % do CPM da metade dos youtubers.
Nicolas Gleiser
youtuber é tipo desenheiro... pensa que trabalha mas só faz uns desenho .
Uriel Dos Santos Souza
WooCommerce é usado munduialmente. Se sai uma integração o resto do mundo vai usar.
PH Silva
E na fatura vem Google Pay ou iFood?
B4klaudio
Dá uma pesquisada no Xiaomi Mi A1.
Exibir mais comentários