Início » Internet » Universidade americana se nega a usar Gmail

Universidade americana se nega a usar Gmail

Por
9 anos atrás

O Google vem tentando implementar seu sistema de e-mail Google Apps (o mesmo do Gmail, porém para quem tem domínio próprio) em faculdades e órgãos públicos, com objetivo de ao menos fazer cócegas no Exchange da Microsoft. No entanto, pelo menos uma instituição importante desistiu do serviço.

Representantes da Universidade da Califórnia – Campus Davis anunciaram que estavam encerrando os testes que faziam com o Google Apps. Portanto, o Google perde uma clientela de 30 mil usuários, entre estudantes universitários e funcionários da universidade. O projeto de troca do serviço local de comunicações pelo do Google ainda não havia sido iniciado, e pelo visto não será feito.

O motivo para desistir do Gmail – veja só! – é a privacidade. Membros da faculdade relataram estar inseguros com relação aos seus dados, que passariam a ficar a um clique de distância dos engenheiros do Google (ou pelo menos é isso o que eles pensam).

Em carta, os representantes não chegaram a chamar o Google de chato, bobo e feio, mas disseram que muitos estudantes “expressaram preocupação de que o compromisso do nosso campus em proteger a privacidade de suas comunicações não é demonstrado pelo Google e que as garantias necessárias não estão em funcionamento nesse momento nem planejadas para o futuro próximo”.

O Google Apps é o serviço do Google que oferece e-mail, comunicação instantânea (Gtalk), calendário (Google Calendar), edição de documentos (Google Docs) etc. para empresas, universidades e instituições. A prefeitura de Washington DC e as universidades estaduais  do Arizona e do Sudoeste da Califórnia adotam o produto powered by Google. Você pode instalá-lo de graça no seu domínio.

Com informações: InformationWeek.