Início » Computador » AMD testa processadores de 7 nanômetros para lançamento em 2019

AMD testa processadores de 7 nanômetros para lançamento em 2019

Por
1 ano e meio atrás

A concorrência no mercado de processadores ficou mais acirrada desde o ano passado, quando a AMD lançou a linha Ryzen para bater de frente com o Intel Core. Essa disputa só deve aumentar nos próximos meses.

A AMD disse a investidores que está testando processadores da próxima geração, chamada Zen 2, com tecnologia de 7 nanômetros, e seu lançamento está previsto para 2019.

Foto por Fritzchens Fritz/Flickr

Com esse processo de fabricação, o chip poderá conter mais transistores, ou oferecer a mesma velocidade com menor consumo de energia. Os processadores Zen de primeira geração são feitos em processo de 14 nm, enquanto a segunda geração é fabricada em 12 nm.

Além disso, a AMD está testando placas de vídeo Radeon Instinct que usam tecnologia Vega de 7 nanômetros. Essa linha de GPUs não é voltada para jogos, e sim para aprendizado de máquina e outras aplicações de inteligência artificial.

Produzir chips com transistores cada vez mais próximos uns dos outros é um desafio tecnológico. A TSMC vai fabricar os processadores da AMD em 7 nm, e usa para tanto um processo de litografia em ultravioleta, em vez de comprimento de onda de luz visível.

Enquanto isso, a Intel prevê que começará a vender processadores com tecnologia de 10 nm, da geração Cannon Lake, só em 2019. A previsão inicial era 2016, que foi empurrada para 2017, depois para o final de 2018 e, agora, só para o ano que vem — talvez no segundo semestre.

Os planos da AMD foram divulgados junto a seu resultado financeiro mais recente. No primeiro trimestre, a empresa teve receita de US$ 1,65 bilhão e lucro de US$ 81 milhões.

Com informações: Engadget.

Mais sobre: