O primeiro Mega Man foi lançado em 17 de dezembro de 1987 para o Nintendinho. A Capcom está comemorando o aniversário de 30 anos de diferentes formas: ela vai lançar um novo jogo para a franquia, e também vai apostar forte em nostalgia.

Em parceria com a iam8bit, a Capcom lançou cartuchos de Mega Man 2 e Mega Man X para NES e SNES, respectivamente. Trata-se de uma edição limitada a 8.500 cópias de cada jogo.

7.500 unidades terão uma cor azul opaca, enquanto os outros 1.000 virão em um azul translúcido que brilha no escuro. Não será possível escolher a cor, porque ela será distribuída de forma aleatória.

Os cartuchos custam US$ 100 cada. Eles funcionam em consoles NTSC (não PAL) feitos para os EUA e Europa, e vêm acompanhados por caixa de edição especial em relevo e um “livreto de instruções premium”. Além disso, a iam8bit promete “surpresas retrô” que serão anunciadas próximo ao lançamento.

Os primeiros cartuchos serão enviados apenas em setembro, mas já estão à venda.

Além disso, a Capcom vai relançar oito jogos de Mega Man X na Legacy Collection 1 (X, X2, X3 e X4) e Legacy Collection 2 (X5, X6, X7 e X8).

Você poderá adquirir cada coleção separadamente por US$ 19,99 para PlayStation 4, Xbox One, Nintendo Switch e PC. O lançamento está previsto para 24 de julho.

Teremos também o novo jogo Mega Man 11, que será lançado para PlayStation 4, Xbox One, Switch e PC ainda este ano.

Com informações: SlashGear, VentureBeat.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcelo Henrique

O console europeu é PAL.
NTSC é nos EUA e Japão e mesmo assim tem diferenças regionais, o jogo japonês só não roda no console americano por questões das travas físicas ou de software (região).
No SNES brasileiro da Gradiente ou Playtronic aceita jogos americanos, logo este jogo vai funcionar mesmo que seja PAL-M.
Já rodei Drakken americano e os meus Street Fighter Alpha 2 e Megaman X também são americanos.

mestre dos Magos

Nos Estados Unidos fãs da franquia estão deixando contato nas lojas pra pré vendas. As lojas, muitas delas, vão fazer sorteio

RIK

Tem louco pra tudo !

Rafael Roberto

Tem razão, vacilo meu. Mas em minha defesa os lançamentos são pra NES e SNES...

Gertrudes, a Lhama Morta

Esse relançamento não tem nada a ver com a Nintendo, porém

Rafael Roberto

Essa escassez artificial que a Nintendo cria em cada um desses relançamentos nostálgicos chega a dar nojo.

Trovalds

Eu tenho aqui e nem fiz a máquina em si. Só um Raspberry Pi com o gabinete padrão dele e um controle bluetooth random mesmo. Ligo na TV e a diversão está garantida. Aqueles projetos que o cara faz retromachines e tal acho muito gasto pra pouco retorno. Claro, se você tem uma sala temática é legal mas pra mim particularmente não funcionaria.

Shrueak

Safado, vigarista, cachorro, sem-vergonha.

eu compro

Shrueak

Eu tô é doido chamando de Remake, é um relaunch acompanhado de um novo jogo. Li afobado pela animação e li errado. Mas ainda gostaria que tivessem esse carinho com os demais jogos antigos.

Sobre o que você falou, eu acho super legal aquelas retromachines que a gente acha no YouTube mas eu gosto só de ver outros fazendo. Eu me conformo com Citra, OpenEmu e etc e um DS4.

leoleonardo85

Eu faria isso.

Trovalds

Bom, se você não é nostálgico a ponto de ter que jogar um jogo X na plataforma respectiva basta um raspberry pi, um SO como o retropie e controles similares ao do seu console favorito que acham aos montes pra comprar nos ML da vida. Com uns R$ 300 você tem milhares de jogos das suas plataformas favoritas.

Trovalds

Você compra, consegue o translúcido e vende no eBay 1000% mais caro (no mínimo). E vai ter gente pra comprar.

Shrueak

Esses remakes estão ficando cada vez melhores. Eu queria muito ver todos os jogos antigos recebendo um. SONHAR É VIVER ♬ eu nada seria se não fosse você