Início » Celular » É oficial: Xiaomi Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro serão lançados no Brasil

É oficial: Xiaomi Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro serão lançados no Brasil

Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro estarão disponíveis no varejo físico e online até a semana que vem, trazidos pela brasileira DL

Por
17 semanas atrás

O Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro estão chegando oficialmente ao Brasil. Eles estarão disponíveis no varejo físico e online até a semana que vem; no entanto, seus preços ainda não foram revelados. Ambos os modelos passaram pela homologação da Anatel a pedido da brasileira DL.

Xiaomi Pocophone F1

A DL explica ao Tecnoblog que os celulares da Xiaomi serão vendidos através da varejista Máquina de Vendas, dona das marcas Ricardo Eletro, City Lar, Eletro Shopping e Insinuante. Os preços ainda estão sendo negociados com as lojas, por isso não foram revelados.

Pocophone F1 tem Snapdragon 845 e câmera dupla

O Pocophone F1 é conhecido por sua relação custo-benefício, pelo menos no exterior: ele traz processador Snapdragon 845, 6 GB de RAM, 128 GB de armazenamento e bateria de 4.000 mAh pelo equivalente a US$ 300. Como dissemos, seu preço no Brasil ainda não foi divulgado.

A câmera traseira é dupla, com sensores de 12 megapixels e 5 MP, e quase empata com o iPhone 8 nos testes do DxOMark. O leitor de digitais fica na traseira, e há reconhecimento facial infravermelho para desbloquear o smartphone mesmo em ambientes escuros.

Na parte frontal, temos uma tela IPS de 6,18 polegadas com resolução Full-HD+ e notch para a câmera de 20 megapixels.

Xiaomi Redmi Note 6 Pro

Xiaomi Redmi Note 6 Pro

Redmi Note 6 Pro tem câmera frontal dupla e 4.000 mAh

Por sua vez, o Redmi Note 6 Pro tem especificações intermediárias. Você encontra aqui um processador Snapdragon 636, 4 GB de RAM e memória interna de 64 GB expansível via microSD de até 256 GB. A bateria tem capacidade de 4.000 mAh.

Ele possui tela de 6,26 polegadas com resolução Full-HD+ e notch. A câmera frontal é dupla, com sensores de 20 megapixels e 2 MP. A câmera traseira também é dupla, com sensores de 12 MP e 5 MP.

O Pocophone F1 e o Redmi Note 6 Pro rodam Android personalizado com o sistema operacional MIUI, que traz alguns recursos como print de tela com uma só mão (deslizando três dedos sobre o display) e funcionalidades de inteligência artificial nas câmeras.

Em comunicado, a DL diz que este é apenas o início de sua estratégia comercial envolvendo a Xiaomi. Vale lembrar que o Mi 6X e relógio Amazfit também estão passando pela homologação da Anatel.