Xiaomi

Xiaomi Mi Max 3 terá ainda mais bateria e tela de 6,9 polegadas

21/06 às 17h37 por

O Mi Max 3 deverá ser o próximo smartphone lançado pela Xiaomi. O aparelho foi homologado pela TENAA, equivalente chinesa da Anatel, e teve suas especificações reveladas. Ao menos de acordo com os documentos, a fabricante quer atrair usuários por meio da tela e da bateria. O celular contará com display Full HD+ de 6,9 polegadas e proporção 18:9, que deixa a tela um pouco mais estreita. O formato é uma tendência apresentada nos últimos meses pelo mercado, mas diferente de outras empresas, o Mi Max 3 não irá aderir ao

Xiaomi lança Redmi 6 e Redmi 6A com bordas finas e preços acessíveis

13/06 às 11h13 por

A Xiaomi tem algumas linhas de smartphone, como o Mi Mix (quase sem bordas na tela), Mi Max (com bateria grande), Redmi Note e Redmi. Este último reúne os aparelhos intermediários, e ganhou dois novos membros: conheça o Redmi 6 e 6A. Há várias diferenças entre os dois aparelhos, mas um aspecto em comum é a tela. São 5,45 polegadas, resolução HD+ e proporção 18:9. Ela ocupa 80,5% da parte fro

Quer ganhar um Xiaomi Mi A1? (atualizado: temos um vencedor!)

12/06 às 11h06 por

O Mi A1 foi um dos grandes sucessos recentes da Xiaomi e marcou o retorno do projeto Android One. O intermediário não decepciona no que promete: custo-benefício e câmeras interessantes. Essa é a chance de você ganhar um, basta seguir todos os passos para concorrer e esperar o sorteio. Boa sorte! 

Xiaomi teve prejuízo de mais de US$ 1 bilhão no primeiro trimestre

11/06 às 17h20 por

A Xiaomi quer estrear na bolsa de valores de Hong Kong e, para isso, precisa disponibilizar a reguladores documentos que dão detalhes sobre as suas operações. Um deles revelou uma informação que vai ligar o desconfiômetro de possíveis investidores: no primeiro trimestre do ano, a companhia registrou prejuízo equivalente a US$ 1,1 bilhão. Não é uma notícia que surpreende. No começo de maio, quando a Xiaomi confirmou a intenção de ser listada na bolsa, a empresa divulgou um relató

Xiaomi Mi 8 é um topo de linha com notch e chip Snapdragon 845

31/05 às 10h56 por

Os rumores dos últimos dias estavam certos: a Xiaomi também aderiu à moda do notch. Nesta quinta-feira (31), a companhia anunciou oficialmente o Mi 8, smartphone que traz tela de 6,21 polegadas com o famigerado entalhe. Mas o aparelho também se destaca pelas especificações internas, começando pelo processador Snapdragon 845. A t

Google supera Amazon e se torna o maior vendedor de alto-falantes inteligentes no mundo

24/05 às 10h38 por

O mercado de alto-falantes inteligentes está cada vez mais competitivo e tem um novo líder. O Google ultrapassou a Amazon no primeiro trimestre de 2018 e agora detém 36,2% das vendas. Em um ano, a empresa cresceu 483% nesse setor. As informações são da consultoria Canalys, que indica a venda de 3,2 milhões de aparelhos como o Home e o Home Mini. Para se ter uma ideia, no primeiro trimestre de 2017, o Google tinha apenas 19,3% do mercado.

Apple lidera vendas de smartwatches no mundo

24/05 às 10h23 por

O mercado de wearables continua crescendo no mundo, e quem está dominando o segmento é a Apple: a empresa vendeu 3,8 milhões de smartwatches no primeiro trimestre de 2018, de acordo com a consultoria Canalys. Entre janeiro e março, as empresas comercializaram 20,5 milhões de dispositivos vestíveis, um aumento de 35% em relação ao mesmo período do ano passado.

Xiaomi Mi A1: o chinês com Android quase puro

15/05 às 17h15 por

O Mi A1 foi a chance de a Xiaomi finalmente entrar no mercado americano sem se complicar demais com patentes, já que ele vem de fábrica com o Android One. O smartphone é considerado um intermediário com excelente custo-benefício, somando com a experiência Google de um Android sempre atualizado. Mas como é usá-lo no dia a dia? E o mais imp

Venda de smartphones na China tem queda histórica e volta aos níveis de 2013

27/04 às 18h04 por

O mercado de smartphones na China está passando por um momento difícil. No primeiro trimestre deste ano, as empresas viram suas vendas voltarem para patamares semelhantes aos de 2013, registrando a maior queda anual da história. O número de unidades vendidas entre janeiro e março de 2018 foi de 91 milhões, contra 114 milhões no mesmo período do ano passado, segundo a consultoria Canalys. O desempenho abaixo do esperado representa uma queda de 21%.

Xiaomi Mi 6X traz chip Snapdragon 660 e câmeras auxiliadas por IA

25/04 às 15h37 por

Foi uma jogada interessante: no ano passado, a Xiaomi lançou o Mi 5X na China como um smartphone com ótima relação custo-benefício e, tempos depois, o disponibilizou em outros países com o nome Mi A1 e Android puro para fazer parte do programa Android One. Não faltaram elogios. Agora, a companhia tenta repetir a fórmula com o Mi 6X.

Carregar mais posts