Início » Gadgets » Xiaomi publica detalhes do Mi TV Stick em loja de Portugal

Xiaomi publica detalhes do Mi TV Stick em loja de Portugal

Xiaomi Mi TV Stick aparece em loja de Portugal e revela ficha técnica do gadget chinês; data de lançamento é um mistério

Bruno Gall De Blasi Por

Mais detalhes do Xiaomi Mi TV Stick foram revelados nesta quarta-feira (8). Segundo uma página da Mi Store de Portugal, o gadget com Android TV estará à venda no país por 39,99 euros (cerca de R$ 240 em conversão direta) e contará com controle remoto próprio. A data de lançamento do dispositivo chinês ainda é um mistério.

Xiaomi Mi TV Stick (Foto: Divulgação/Xiaomi)

As informações divulgadas pela loja da marca apresentam somente a versão Full HD (1920 x 1080 e a 60 quadros por segundo) do dispositivo. A página corrobora alguns vazamentos anteriores, como a presença de um processador com quatro núcleos ARM Cortex-A53 e chip gráfico Mali 450, memória RAM de 1 GB e o armazenamento de 8 GB.

Outras especificações do dispositivo se tornaram públicas pela Mi Store de Portugal. Ainda de acordo com a página, o gadget da Xiaomi para TVs terá conectividade Bluetooth 4.2 e Wi-Fi 802.11 a/b/g/n/ac, capaz de se conectar com redes de 2,4 GHz e 5 GHz, além de porta HDMI e entrada micro-USB.

As funções do Xiaomi Mi TV Stick são igualmente apresentadas pelo site. Além do já apresentado controle remoto, que terá botões dedicados para aceder à Netflix, Amazon Prime Video e Google Assistente, com direito à comandos por voz, o dispositivo ainda contará com Chromecast embutido para transmissão de mídias, como fotos e vídeos.

Xiaomi Mi TV Stick em loja de Portugal (Foto: Reprodução/Tecnoblog)

A Xiaomi ainda deve apresentar outro modelo do dispositivo para televisões. De acordo com um anúncio no Gearbest, a edição mais potente terá resolução 4K, memória RAM de 2 GB e processador Amlogic S905Y2 (quad-core), com a mesma quantidade de armazenamento. Na época, o dispositivo estava à venda na loja virtual por R$ 765,56.

Não há previsão de data e preço de lançamento do Xiaomi Mi TV Stick no Brasil.

Com informações: Android Police

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
8 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vinícius Queiroz (@ViniciusQueiroz)

Tenho uma TV que não é Smart. Então para mim seria uma mão na roda se houvesse um produto barato(na faixa dos R$ 100,00) mas com o mínimo de funcionalidade.
Existem os Android TV Box’s, mas esses dispositivos estilo chromecast (não sei o termo correto) são simples de instalar (é pequeno, não preciso ocupar mais uma tomada com ele).
Pelas especificações, esse da xiaomi pode ser uma boa pedida, já que eu espero que ele seja mais barato que um chromecast.

Do ponto de vista de público-alvo, acredito sim que tem mercado. Principalmente no Brasil.
Vamos lembrar que nem todas as SmartTVs são boas em sua função smart.

[ já tive uma experiência ruim com um AOC do meu primo. Sei que a fabricante não é ruim, mas esse modelo que eu não me lembro o nome era horrível só para abrir o youtube.]

Agora se realmente eu estou no nicho lascou. Nicho é um BO kkkk

² (@centauro)

TV não smart já virou coisa de nicho?

Léx Ferracioli (@Lex_Ferracioli)

Eu tenho uma TV AOC Smart, as funções smart dela são péssimas, demora pra abrir YouTube, Netflix, isso quando abre, muitas vezes trava quando você quer simplesmente mudar de vídeo no YouTube, sendo necessário desligar a ligar a TV. Uma Fire Stick seria ideal, mas está difícil encontrar, vamos ver se essa da Xiaomi vai emplacar com boas funcionalidades e bom desempenho.

Vinícius Queiroz (@ViniciusQueiroz)

Exatamente. Lembro na época, quando meu pai me perguntou qual era para ele pegar, (já que eu seria a pessoa que mais usaria as funções smart). Mas pela diferença de 300,00 (que era e ainda é a faixa de preço de chromecast e Xiaomi Mi Box) e pelos problemas listados na internet, convenci ele a não pegar uma smart. Só vacilei por não ter olhado se ela teria a tecnologia DLNA, para controlar por exemplo um KODI com o próprio controle da TV.
Mas vida que segue não é mesmo? kkkk

Léx Ferracioli (@Lex_Ferracioli)

Acredito que essa Xiaomi Box vai ser muito boa, vendo o histórico dos outros produtos, qualidade, funcionamento, sempre são muito bons e provavelmente vai ter algum aplicativo pra utilizar as listas do Kodi hehehe

Gustavo Henrique Silva (@GustavoSilva)

Acredito que vale a pena para quem tem TV com sistemas próprios e quer ter lançamentos de serviços e aplicativos mais atualizados, e talvez para quem quer uma TV com ecossistema mais integrado com outros serviços e devices. E obviamente, para quem não tem uma TV smart e não quer comprar uma nova.

Henrique Nakade (@Henrique_Nakade)

acho que será interessante se der pra rodar alguns joguinhos ou emuladores se o sistema permitir acessar apks e tudo mais, mas temos de nos atentar sobre a alimentação e a falta dela para um funcionamento que não seja capenga…

² (@centauro)

Se o que o Rafael disse no outro tópico for verdade (de que só 23% da população brasileira tem acesso à Smart TV), daí eu diria que não, TV não smart não é nicho, Smart TV que é nicho.

Jefferson Rodrigues (@Jefferson_Rodrigues)

Tenho uma aoc e sofro pelo sistema operacional merda dela. Também tenho que remover a tomada para ela funcionar. Sem falar nos pouquíssimos apps, que ela tem.

Bruno Gall De Blasi (@brunogdb)

Tenho uma Smart TV no meu quarto e pouco a pouco sinto que ela está ficando mais lenta – foi comprada em 2015-2016, tadinha. Porém, ela continua firme e forte, sem problema algum, com som e imagem ótimos. Um stick desses pode ser uma opção muito mais econômica e ecológica do que comprar uma TV nova – e eu já considero algo do tipo.