Início » Internet » Google Meet ganha recurso para levantar a mão em chamadas

Google Meet ganha recurso para levantar a mão em chamadas

Google Meet recebe novo botão para levantar a mão em chamadas e informar quando o participante deseja falar ou tirar dúvidas

Bruno Gall De Blasi Por

Usuários do Google Meet já podem levantar a mão para se manifestar em chamadas de vídeo. O Google anunciou, nesta terça-feira (17), a chegada de um novo botão para que participantes da videoconferência informem o desejo de fazer comentários ou perguntas sem interromper quem está falando no momento.

Google Meet (Imagem: Bruno Gall De Blasi/Tecnoblog)

Google Meet (Imagem: Bruno Gall De Blasi/Tecnoblog)

Google Meet ganha recurso para levantar a mão

Segundo o Google, “os participantes de uma videoconferência agora podem informar se tiverem alguma dúvida ou indicar que gostariam de falar, levantando a mão no Meet. Em reuniões grandes, isso ajuda a aumentar a participação sem interromper o fluxo da conversa e ajuda a evitar que as pessoas interrompam umas às outras”.

O funcionamento do novo recurso é simples. Para usá-lo, basta clicar no botão “Raise Hand” (“Levantar a mão”, em tradução livre) para informar ao moderador da chamada o desejo de se manifestar ou fazer perguntas. Após pressioná-lo, o participante também poderá abaixar a mão em “Lower Hand” (“Abaixar a mão”), caso mude de ideia.

Recurso do Google Meet para levantar a mão (Imagem: Divulgação/Google)

Recurso do Google Meet para levantar a mão (Imagem: Divulgação/Google)

O anfitrião terá alguns controles da função para levantar a mão. Além da lista de pedidos, organizada em ordem de acionamento do botão, o moderador também poderá abaixar a mão de um ou de todos os participantes da conversa. O Google Meet ainda irá emitir uma notificação sonora se a aba com a conversa estiver minimizada.

A novidade, que também está disponível no Microsoft Teams, começou a ser liberada em 17 de outubro de 2020 a assinantes do Google Workspace e G Suite, com exceção dos planos Workspace Business Starter e G Suite Basic, e pode levar até 15 dias para chegar a todos. Não há previsão de lançamento do recurso às contas do Gmail.

Com informações: Google Workspace Updates e Google (Suporte)

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação