Início » Celular » Sony Xperia 1 III traz tela 4K de 120 Hz e câmera com zoom por periscópio

Sony Xperia 1 III traz tela 4K de 120 Hz e câmera com zoom por periscópio

Sony anuncia Xperia 1 III e Xperia 5 III com câmeras de 12 megapixels e processador Qualcomm Snapdragon 888 na ficha técnica

Bruno Gall De Blasi Por

A Sony apresentou, nesta quarta-feira (14), o Sony Xperia 1 III. O celular chama a atenção pela tela 4K com taxa de atualização de 120 Hz, câmera de 12 megapixels com zoom por periscópio e ficha técnica avançada com processador Snapdragon 888. No mesmo dia, a marca japonesa também revelou os novos Xperia 5 III e Xperia 10 III.

Sony Xperia 1 Mark 3 (Imagem: Divulgação/Sony)

Sony Xperia 1 Mark 3 (Imagem: Divulgação/Sony)

O Sony Xperia 1 III (Xperia 1 Mark 3) já atrai os holofotes pela sua tela. Medindo 6,5 polegadas, o painel possui resolução 4K (3860 x 1644 pixels) e taxa de atualização de 120 Hz. O corpo ainda é mais esticado, devido à proporção 21:9. A câmera frontal de 8 megapixels fica em uma pequena borda na parte superior.

O conjunto fotográfico é quádruplo, com câmeras principal e ultrawide de 12 megapixels. A terceira câmera com a mesma resolução e lente do tipo periscópio é o destaque do quarteto: com ela, o usuário pode ajustar a distância focal de 70 mm (f/2,3 e zoom de 3x) para 105 mm (f/2,8 e zoom de 5x), caso queira aproximar mais a imagem. O agrupamento fica completo com a presença de um sensor 3D.

A ficha técnica avançada é formada pelo Qualcomm Snapdragon 888, memória RAM de 12 GB e o armazenamento de 256 GB. A bateria é de 4.500 mAh. O celular ainda sai da caixa com Android 11 de fábrica e possui suporte ao 5G.

Câmeras do Sony Xperia 1 Mark III (Imagem: Divulgação/Sony)

Câmeras do Sony Xperia 1 Mark III (Imagem: Divulgação/Sony)

O Sony Xperia 5 III, por sua vez, é um pouco mais simples. Sua tela de 6,1 polegadas possui resolução Full HD+ (2520 x 1080 pixels) e taxa de atualização de 120 Hz. A câmera para selfies e videoconferências repete a mesma resolução de 8 MP.

O celular da Sony traz as mesmas câmeras do Xperia 1 III, mas deixa o sensor 3D de lado. Além disso, o processador Qualcomm Snapdragon 888 com 5G também aparece em seu interior. A memória RAM e o armazenamento, no entanto, são de 8 GB e de até 256 GB, respectivamente. A bateria é de 4.500 mAh.

Sony Xperia 5 Mark III (Imagem: Reprodução/Sony)

Sony Xperia 5 Mark III (Imagem: Reprodução/Sony)

Sony Xperia 10 III é anunciado com Snapdragon 690

A Sony também apresentou o Xperia 10 III nesta quarta-feira (14) a quem busca um celular intermediário da marca. O lançamento possui tela de 6 polegadas e resolução Full HD+. Sem notch ou furos no display, a sua câmera frontal de 8 megapixels também fica em uma borda na porção superior.

Na parte de trás, o telefone conta com uma câmera principal de 12 megapixels. O agrupamento fica completo com outros dois sensores de 8 megapixels, sendo um com lente ultrawide e o outro com lente teleobjetiva.

O processador Qualcomm Snapdragon 690, com suporte ao 5G, encabeça a lista de especificações do smartphone. A ficha técnica fica completa com a memória RAM de 6 GB e armazenamento de 128 GB. A bateria, por sua vez, é de 4.500 mAh. O celular sai da caixa com Android 11 de fábrica.

Sony Xperia 10 Mark III (Imagem: Divulgação/Sony)

Sony Xperia 10 Mark III (Imagem: Divulgação/Sony)

Até o momento, a Sony não informou o preço sugerido do Sony Xperia 1 III, Xperia 5 III e Xperia 10 III. No ano passado, o Sony Xperia 1 II foi anunciado nos Estados Unidos por US$ 1.199,99, o equivalente a cerca de R$ 6.815 em conversão direta.

Sem comercializar celulares no país desde 2019, não há previsão de lançamento dos novos smartphones da Sony no Brasil.

Sony Xperia 1 III, Xperia 5 III e Xperia 10 III – ficha técnica

Sony Xperia 1 III

Sony Xperia 5 III

Sony Xperia 10 III

Tela

OLED de 6,5 polegadas com resolução 4K (3860 x 1644 pixels), aspecto de 21:9, taxa de atualização de 120 Hz, taxa de amostragem de toque de 240 Hz e Gorilla Glass Victus

OLED de 6,1 polegadas com resolução Full HD+ (2520 x 1080 pixels), aspecto de 21:9, taxa de atualização de 120 Hz, taxa de amostragem de toque de 240 Hz e Gorilla Glass 6

OLED de 6 polegadas com resolução Full HD+ (2520 x 1080 pixels), aspecto de 21:9, taxa de atualização de 60 Hz, taxa de amostragem de toque de 120 Hz e Gorilla Glass 6

Processador

Qualcomm Snapdragon 888

Qualcomm Snapdragon 888

Qualcomm Snapdragon 690

RAM

12 GB

8 GB

6 GB

Armazenamento

256 GB (expansível via cartão microSD)

128 GB ou 256 GB (expansível via cartão microSD)

128 GB (expansível via cartão microSD)

Câmera traseira

– principal: 12 megapixels

– ultrawide: 12 megapixels

– periscópio: 12 megapixels

– sensor 3D

– principal: 12 megapixels

– ultrawide: 12 megapixels

– periscópio: 12 megapixels

– principal: 12 megapixels

– ultrawide: 8 megapixels

– teleobjetiva: 8 megapixels

Câmera frontal

8 megapixels

8 megapixels

8 megapixels

Bateria

4.500 mAh

4.500 mAh

4.500 mAh

Sistema operacional

Android 11

Android 11

Android 11

Conectividade

entrada para fones de ouvido (3,5 mm), porta USB-C, 5G, 4G, Bluetooth 5.2, Wi-Fi, NFC e GPS

entrada para fones de ouvido (3,5 mm), porta USB-C, 5G, 4G, Bluetooth 5.2, Wi-Fi, NFC e GPS

entrada para fones de ouvido (3,5 mm), porta USB-C, 5G, 4G, Bluetooth 5.1, Wi-Fi, NFC e GPS

Mais

leitor de impressões digitais e certificação IP65/68

leitor de impressões digitais e certificação IP65/68

leitor de impressões digitais e certificação IP65/68

Dimensões

165 x 71 x 8,2 mm

157 x 68 x 8,2 mm

154 x 68 x 8,3 mm

Peso

187 gramas

169 gramas

169 gramas

Cores

preto e roxo

preto e verde

azul, branco, preto e rosa

Com informações: Android Authority e GSMArena

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
10 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Douglas Knevitz (@Douglas_Knevitz)

Faz sim, se a intenção for evaporar a bateria em questão de minutos.

Tecnicamente uma pessoa comum não conseguiria distinguir a qualidade de uma tela FullHD de uma 4K em um display tão pequeno, quanto um smartphone. Sem dúvidas deve ser uma tela fantástica, porém não se traduz em benefício prático.

Telas de alta resolução, seja 4/8K só fazem sentido para realidade virtual, onde o seu olho fica muito próximo do componente, porém não é um cenário comum em smartphone. Mesmo usando smartphone com aqueles cardboard, a experiência é ruim, por não ser um hardware dedicado.

Agora algo que faz uma diferença brutal na percepção de qualidade de uma tela é a renderização de cores.