Início » Jogos » Brasileiro cria mod de Super Mario do SNES para rodar em widescreen

Brasileiro cria mod de Super Mario do SNES para rodar em widescreen

Modificador brasileiro traz melhoria para o clássico jogo de Super Nintendo

Felipe Vinha Por

O jogo Super Mario World, do Super Nintendo, foi modificado para rodar em widescreen. O autor da façanha é o engenheiro de software Vitor Vilela, que publicou o resultado em seu Twitter, demonstrando com um vídeo e com link para quem quiser testar.

Brasileiro cria versão Widescreen de Super Mario World (Imagem: Reprodução)

Brasileiro cria versão Widescreen de Super Mario World (Imagem: Reprodução)

Vilela é conhecido pela comunidade de hack e modificações por realizar melhorias em jogos clássicos, em especial de Super Nintendo. Ele também lançou versões aprimoradas de Contra 3, Gradius 3, Super Castlevania 4, Race Drivin, Axelay e mais.

Sua versão de Super Mario World é compatível com monitores 16:9 e 16:10. Para o futuro o hacker promete trazer outras opções de proporção, como 2:1 e 21:9 – ainda em desenvolvimento, segundo sua página no GitHub.

A versão modificada por Vilela pega a resolução 256×224, original do jogo, e transforma em 352×224, para permitir que fique adaptado a uma tela widescreen. Em sua página no GitHub o modificador também explica como instalar a novidade e testar – clique aqui para acessar.

Funciona em outros lugares

Vitor Vilela também explica, em seu Twitter, que o hack de Super Mario World foi feito para funcionar no PC, mas que “via RetroArch, é possível jogar em várias plataformas, usando o ‘bsnes-hd'”.

No caso, BSNes é o emulador especial de Super Nintendo para o qual a modificação foi feita, enquanto o RetroArch é um é software de front-end de código aberto e multiplataforma para emuladores, motores de jogos, video games, multimídia e outros dispositivos.

Com informações: Twitter.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
5 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Silva (@Felipe_Silva)

pena que ele deve ser processado pela Nintendo em breve, mas é louvável a iniciativa de manter vivo esses jogos trazendo melhorias assim.