Início » Negócios » Nubank abre 300 vagas de emprego; 40% são para engenheiros

Nubank abre 300 vagas de emprego; 40% são para engenheiros

A fintech abriu 300 vagas de emprego para seus escritórios na América Latina e em Berlim, na Alemanha; 40% são para engenheiros de software e sistemas

Pedro Knoth Por

O Nubank recentemente trouxe Anitta para seu time de sócios e arrecadou investimentos do fundo do bilionário americano Warren Buffet — a fintech passou a valer US$ 30 bilhões no mercado, de acordo com o Wall Street Jounal. Agora, a empresa abriu 300 vagas de emprego, e 40% delas são para engenheiros de software e de sistemas como SRE e DevOps.

Nubank abriu 300 vagas para trabalho em escritórios da América Latina e na Alemanha (Imagem: Nubank/ Divulgação)

Nubank abriu 300 vagas para trabalho em escritórios da América Latina e na Alemanha (Imagem: Divulgação/Nubank)

Nubank à procura de 120 engenheiros de software

Além de vagas para engenheiros (120), o Nubank está à procura de gestores de Pessoas e Cultura (25), gerentes de produtos (18), designers (15) e profissionais de marketing (10). Todos os 300 cargos serão na modalidade de home office, devido à pandemia da COVID-19.

Os profissionais de Engenharia estão principalmente voltados para a programação de software e sistemas de site e aplicativo do Nubank. Há vagas para todos os escritórios da fintech: em São Paulo, Cidade do México, Bogotá, Buenos Aires e Berlim. O processo seletivo será realizado 100% à distância.

Primeiro, os candidatos deverão passar por uma entrevista com recrutadores, na qual devem responder perguntas básicas sobre si. Em seguida, a fintech fará atividades técnicas em grupos maiores, onde cada um poderá apresentar seu próprio trabalho e discutir estudos de caso. Por fim, será realizada uma etapa de entrevista em grupo e os participantes conversam entre si. Confira a lista de vagas neste link.

Nubank deve anunciar cartão com cashback em evento

Com 40 milhões de contas bancárias abertas, a fintech planeja expandir suas operações pelo resto da América Latina, onde segundo o sócio-fundador e CEO, David Vélez, 50% da população ainda não possui uma conta digital em uma instituição financeira.

As vagas de emprego são principalmente voltadas para os escritórios na Colômbia, no Brasil, na Argentina e no México. Em 2019, a Fast Company nomeou o Nubank a empresa mais inovadora da América Latina — algo que o banco digital está disposto a manter, de acordo com sua movimentação no mercado.

Novos produtos, como um cartão de metal com cashback de 1% — retorno de parte das transações feitas pelo cliente —, chamado Nubank Ultravioleta, devem ser anunciados pelo banco em um evento marcado para esta terça-feira (6). Além disso, o novo cartão de crédito terá integração com o Apple Pay.

Com informações: Nubank

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
4 usuários participando