Início » Antivírus e Segurança » Proteja suas informações nas mídias sociais

Proteja suas informações nas mídias sociais

Avatar Por

Eu tenho constantemente falado por aqui sobre a necessidade de ter métodos e práticas que permitam uma maior segurança das suas informações na rede, bem como as dos seus amigos, colegas de trabalho e de familiares. E conforme as redes sociais vão ganhando força, é inevitável alertar para as maneiras que existem de gerenciar como e o que as pessoas veem sobre você.

Nunca estivemos tão expostos. Com apenas um clique, temos como publicar uma ideia interessantíssima ou um comentário rancoroso em alguma rede social. Aí basta esperar alguns segundos, talvez minutos caso não seja seu dia de sorte, para receber o feedback. Às vezes ele é positivo, às vezes nem tanto. O que importa é que a internet é um organismo vivo e com memória poderosa, então aquele deslize que você não pretendia cometer poderá ser lembrado com uma simples pesquisa no buscador.

O próprio Eric Schmidt, CEO do Google, já disse que no futuro é plausível que as pessoas tenham o direito de entrar com pedidos para trocar de nome devido à reputação – facilmente verificável, é importante frisar – que adquiriram na rede. Para evitar que isso aconteça, precisamos nos precaver sobre como nos expomos nessa grande rede.

No caso das mídias sociais, as principais serviços oferecem recursos interessantes para esse controle.

Orkut

Ainda a rede social líder no Brasil, o Orkut está moribundo. Mas ainda tem muita gente por lá, portanto é bom ficar de olho nos ajustes da sua conta. A começar pelas fotos. Repare que na página de álbuns há uma caixa com Quem pode ver aquelas fotos. Depois de clicar em editar, é bem fácil modificar quem vê as fotografias (se apenas alguns amigos, se todos os amigos, ou se todos os usuários cadastrados no Orkut).

Privacidade nas fotos

Outra forma de interação no Orkut que merece um cuidado extra são os recados (ou scraps, como preferir). Felizmente, na última atualização da rede social, o Google implementou uma ferramenta de controle sobre quem vai ver aquela mensagem. Portanto, não deixe de usar o recurso!

Privacidade nos recados

Depois de escrever o texto para um amigo, vá em Visível para e escolha se somente os amigos ou todas as pessoas registradas no Orkut vão ver o recado. Ainda há a opção de apenas o amigo para o qual a mensagem é destinada visualizá-la de fato.

Facebook

O FB é, sem sombra de dúvida, a nova febre entre os brasileiros. Resta saber se em algum momento ele vai ultrapassar a liderança do Orkut. Mesmo sendo uma rede social cuja adoção só começou há pouco tempo no Brasil, já é importante observar o que você publica sobre si mesmo na rede. Existe um histórico do Facebook desconsiderar o direito à privacidade, por isso é tão necessário utilizar as ferramentas que o FB fornece para garantir que as suas informações serão vistas somente por quem você escolher.

Sempre procure pelo cadeado

O segredo no Facebook é sempre procurar por um ícone de cadeado. É a partir dele que o usuário escolhe quais pessoas vão ver aquela informação, uma atualização em texto, uma foto ou o que quer que seja. Todos, Amigos de amigos, Somente amigos e Personalizar são as opções, o que facilita bastante a nossa vida. E cabe lembrar: Todos significa que a web inteira poderá visualizar aquela informação, inclusive os buscadores. Portanto, é melhor evitá-la.

Twitter

Nos últimos tempos o serviço de microblog se confunde com rede social, já que é comum seguir amigos no Twitter e discutir ideias sem nem prestar atenção para o fato de que a internet inteira, sem exceção, tem acesso àquilo.

Talvez seja o serviço mais perigoso dentre os três dessa matéria, já que é o que melhor seduz o usuário para escrever o que quer venha à sua mente. Já teve gente demitida depois de criticar a empresa no Twitter, assim como é cada vez mais comum saber de proposta de emprego por meio do microblog. Independentemente do uso, é bom dosar o que é dito no Twitter.

Fechar ou não, eis a questão

Infelizmente o Twitter não oferece níveis variados de exposição de informações, até porque não é uma rede social em si. Quem quer usar o microblog para falar o que bem entende com riscos menores de ser delatado, pois, deve fechar os seus tweets para que apenas seus seguidores (devidamente aprovados, um a um) consigam vê-los. É bem fácil, basta ir às configurações e marcar a opção que a imagem acima indica.

Depende de você

Ser precavido é fundamental para que as informações não vazem na grande rede. O ideal é não publicar aquilo que não deve ser publicado. Mas se você quer arriscar, pelo menos faça bom uso das ferramentas que os serviços mais badalados oferecem atualmente para proteger a sua privacidade.