Início » Aplicativos e Software » Trump cria rede Truth Social após ser banido de Facebook e Twitter

Trump cria rede Truth Social após ser banido de Facebook e Twitter

Rede social de Donald Trump prega a "verdade" e foi criada para combater big techs; ex-presidente foi banido de plataformas como Twitter e Facebook após incitar violência

Por

O ex-presidente americano Donald Trump anunciou nesta quarta-feira (20) que pretende abrir sua própria rede social, onde usuários poderão fugir da “censura das big techs”. A nova plataforma foi batizada, ironicamente, de Truth Social, e já tem um beta programado para novembro, com alguns convidados. O lançamento é esperado para o primeiro trimestre de 2022.

Donald Trump (Imagem: Gage Skidmore/Flickr)
Donald Trump criou sua própria rede social para enfrentar a “tirania das big techs” (Imagem: Gage Skidmore/Flickr)

“Criei a Truth para enfrentar big techs”, diz Trump

Verdade. Essa é a palavra que traduz livremente o nome da nova rede social que o ex-presidente Trump quer lançar ao mercado. O republicano anunciou a proposta por meio de um release elaborado pela empresa que vai bancar a Truth, a Trump Media Technology Group (TMTG).

Criar a própria rede social parece um devaneio de uma noite de verão, com a concentração de grandes empresas e grupos como Google, Facebook e Twitter. Mas esse é o desejo de Trump desde que foi banido das plataformas mais importantes para se comunicar com apoiadores. Ele foi suspenso depois do ataque ao Capitólio, por incentivar a violência e organizações perigosas.

“Eu criei a Truth Social e a TMTG para enfrentar a tirania das big techs. Nós vivemos em um mundo onde o Talibã tem uma enorme presença no Twitter, no entanto, seu presidente americano favorito foi silenciado.” Donald Trump, em pronunciamento

De acordo com uma pesquisa pelo instituto Gallup feita entre 4 e 15 de janeiro, 62% dos americanos rejeitam o “ex-presidente americano favorito”.

Truth terá beta fechado em novembro e apenas para iOS

Mesmo em rusga com as big techs, Trump lançou a única versão da Truth para iOS até o momento. Apenas usuários da Apple podem se inscrever para o beta de novembro, e não há previsão de quando a plataforma pode chegar para Android. Isso porque o ex-presidente está processando o Google por violar seu direito à Primeira Emenda da Constituição dos EUA.

Prints da rede social na App Store revelam que ela parece uma cópia barata de uma das redes favoritas de Trump: o Twitter. E, por mais que o nome seja Truth, a rede já tem propaganda enganosa no ar: ela lista a conta de alguns veículos que já entraram na rede social, incluindo o site TechCrunch. Contudo, o próprio portal afirma que não possui uma conta na plataforma.

Página da Truth Social na App Store (Imagem: Truth Social/ Divulgação)

A empresa criada por Donald Trump para colocar no ar sua própria rede social, a TMTG, pretende abrir inclusive capital na bolsa de valores para captação de recursos.

O grupo do ex-presidente deve fazer uma fusão com um fundo de investimentos chamado Digital World Aquisition Corp., uma firma que opera como um “cheque em branco” — geralmente, esse tipo de empresa é usada para manobras financeiras lícitas ou ilícitas.

Assim, Donald Trump pode fugir de barreiras regulatórias dos EUA, enquanto entra “de carona” na Nasdaq.

Com informações: TechCrunch, Gizmodo e Mashable