Início » Computador » Apple desativa funcionalidades em produtos da Adobe com Mac OS Lion

Apple desativa funcionalidades em produtos da Adobe com Mac OS Lion

Por
8 anos atrás

Ao lançar a mais nova versão do seu sistema Mac OS X, de codenome Lion, a Apple trouxe diversas novas funcionalidades. A grande maioria delas você pode ler no nosso review do sistema. Mas além de implementar novidades nele, a gigante de Cupertino também aproveitou a atualização para dar uma leve cutucada na Adobe. De acordo com a atual desenvolvedora do Flash, a Apple desativou certas funcionalidades nos seus produtos.

No Adobe Flash, por exemplo, a Apple desativou a aceleração por hardware, impedindo que o plugin use toda o potencial das GPUs e causando aumento de atividade de processadores em alguns Macs. Também na área de navegadores, o Safari 5.1 que vem incluído no sistema é incompatível com o plugin do Acrobat Reader para leitura de PDFs.

E esses são apenas apenas dois dos produtos. Dentre os demais afetados estão o Photoshop, Fireworks, Premiere Pro, Dreamweaver e diversos outros devidamente listados pela Adobe no seu próprio site.

A Adobe não dá uma estimativa de quando esses problemas serão resolvidos, mas avisa que já detectou a causa de alguns deles e está ajustando o código dos seus produtos para que funcionem novamente como deveriam. E aliado a isso, a empresa garantiu que vai também fazer uso das novas funcionalidades implementadas no Mac OS X Lion, como se nada tivesse acontecido entre ela e a Apple. Muito adulto da parte deles.

Atualização às 08:48, dia 22/06 | A Adobe corrigiu sua declaração inicial, dizendo que o suporte a aceleração do Flash via GPU só estava desativada em versões beta do Mac OS Lion. Esse suporte não foi modificado com a versão que está sendo vendida.

Com informações: 9to5mac.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.