Início » Jogos » Os games mais pirateados em torrent de 2011

Os games mais pirateados em torrent de 2011

Avatar Por

O site TorrentFreak usou os mesmos cálculos usados para gerar a lista de filmes mais baixados do ano passado para compilar três listas com os jogos que mais foram baixados ilegalmente em 2011. Para o espanto de muitos, nem Modern Warfare 3 e nem Battlefield 3 ficaram na primeira posição. Não que a primeira posição na lista seja algo para se gabar, mas o jogo mais pirateado foi mesmo Crysis 2, lançado pela EA no começo de 2011.

As listas estão divididas por plataforma e os usuários de PC estão disparados como maiores pirateiros de todos, o que não é novidade pra ninguém. O que espanta é a proporção da diferença: o game mais baixado de PC tem 3,92 milhões de downloads, enquanto o mais baixado no Wii e no Xbox 360 tem apenas 1,28 milhão e 890 mil, respectivamente.

Jogos para Xbox 360 mais baixados por torrent em 2011:

  1. Gears of War 3 – 890 mil
  2. Call of Duty: Modern Warfare 3 – 830 mil
  3. Battlefield 3 – 760 mil
  4. Forza Motorsport 4 – 720 mil
  5. Kinect Sports: Season Two – 690 mil

Jogos para Wii mais baixados por torrent em 2011:

  1. Super Mario Galaxy 2 – 1,28 milhão
  2. Mario Sports Mix – 1,09 milhão
  3. Xenoblade Chronicles – 950 mil
  4. Lego Pirates of the Caribbean – 870 mil
  5. FIFA 12 – 860 mil

Jogos de PC mais baixados por torrent em 2011:

  1. Crysis 2 – 3,92 milhões
  2. Call of Duty: Modern Warfare 3 – 3,65 milhões
  3. Battlefield 3 – 3,51 milhões
  4. FIFA 12 – 3,39 milhões
  5. Portal 2 – 3,24 milhões

Jogos de PS3 não sofrem pirataria o bastante para serem incluídos nessas listas.

Talvez um dos motivos para o campeão desse ano ter sido Crysis 2 e não MW3 (que foi o mais vendido desses jogos) tenha sido o fato do jogo ter aparecido nos Torrents quase dois meses antes do lançamento oficial.

Enquanto as distribuidoras e fabricantes de jogos tentam encontrar alguma maneira de se diminuir a pirataria, os jogadores que preferirem adquiri-los legalmente continuarão sofrendo com o esquema de segurança que ainda atrapalhar os jogadores – Alô, DRM. Mas se existe um meio ou não de implementar essa proteção sem irritar os compradores legítimos, é assunto pra outro post.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Guilherme Macedo C.
É bem restritiva. Eu não consegui pq não tinha renda na época. Uma pessoa da minha família não conseguiu pq há 10 anos ficou devendo pro BB (e já pagou há 10 anos) e de acordo com eles pode ficar pro resto da vida com restrição, mesmo não devendo mais nada. Então vai depender da análise de crédito. Não é de forma automática.
Turdin
Está em beta fechado por convite atualmente.
Ramon Melo
Não tem não, a avaliação de crédito deles é bem menos restritiva. Nos fóruns de importação que eu participo, boa parte dos usuários têm um desse justamente pela facilidade de consegui-lo.
Guilherme Macedo C.
Saraiva tem os mesmo requisitos que falei. O banco que administra é o Banco do Brasil. Já tentei fazer antes de ter conta no BB e não aceitaram.
@AntonioVeras
DOTA 2 já está disponível? Com esse negócio de lançar, depois adiar fiquei perdido. Jogo DOTA 1 pelo Garena e o HoN.
Thiago Leite
Quando eu era estagiário, fiz conta universitária no BB e 'ganhei' o cartão internacional. Limite baixo, mas as taxas nem são tão expressivas assim. Valeu a pena!
@LBKatan
Hum... Isso é. Vlw pela explicação. =D
Ramon Melo
Ou seja, você quer que um jogo que custa 60 dólares nos EUA (o lugar mais barato do mundo) chegue aqui por R$80 com o dólar custando quase R$2? Tem que ser realista também, né? Se todas as empresas seguissem a política de preços da Microsoft, já estaria bom.
Ramon Melo
Não precisa de nada disso. Cria um cartão internacional da Saraiva, é sem anuidade e sem comprovação de renda, os únicos pré-requisitos são ter nome limpo e mais de 21 anos. A única desvantagem é que o limite é bem baixo, mas é melhor que nada. Fora que R$400 mensais são um limite bastante aceitável para quem só pretende gastá-los com videogames.
Ramon Melo
A Sony bane a conta, depois é só criar outra. Mas como o PS3 passou vários anos sem desbloqueio, os pirateiros vieram todos para o X360.
Ramon Melo
O mercado de jogos para consoles é, na verdade, maior (bem maior) que o de jogos para PCs. Só porque existem 1 bilhão de PCs no planeta, não significa que mais de 1% deles se dediquem a jogos comerciais de alto desempenho, como os que estão nessa lista. Além disso, piratear jogos de consoles é tão fácil quanto os de PCs. O Wii e o PS3 aceitam desbloqueio por software e HD externo (ou seja, só baixar e transferir), só o X360 que é mais chatinho. A diferença é cultural mesmo: muita gente adquire um computador já considerando os jogos "grátis" como uma das vantagens incluídas no pacote, enquanto que os consoles atuais construíram um certo desprezo pelo jogos piratas. Basta notar que Gears of War 3 (que vazou vários meses antes do lançamento) vendeu 4 vezes mais na primeira semana do que o número de torrents baixados. Duvido que essa proporção se repita em Crysis 2 para PC, por exemplo.
Gabriel Fernandes
Acho INJUSTO pagar 199 num jogo onde o CONSOLE custa 630,00 (Wii) e 699,00 (Xbox) ja vi jogo de 250,00 350,00 (neste caso pra wii com acessorio) Pra mim, jogo era pra custar entre 19,90 (old games) ate 80,00 no maximo pra lancamentos recentes, abaixando pra 60,00 depois de alguns meses.. Eu compraria por 80,00 o jogo MW3 para PS3 ou Xbox por exemplo. Agora 199,90 jamais!!! Agora estas revistas tipo CDEXPERT vendendo jogo por no maximo 19,90 vale muito mais a pena. E por protesto mesmo, pra dar ibope pra estes sites como anunciado no post, vale a pena baixar pirata.... pra ver se "perdendo dinheiro" (claro que não estao perdendo e sim deixando de ganhar) abrem os olhos e usam a politica do PREÇO JUSTO!!!!!!!!!!!!
@masteeu
Ok, 949.995 jogadores. Não tem muita gente por aí que desbloqueou o Wii e continua comprando jogos, sobretudo importados.
Turdin
O meu eu fiz sem comprovante de renda, só mostrando um extrado de movimentação bancária e tendo nome limpo! Mas até onde vi, se você consegue fazer um nacional pegar um internacional é o mesmo custo e é totalmente sem problemas!
Guilherme Macedo C.
Uns tem, e bem caro, outros não tem. Os que não tem pedem muita coisa pra aceitar, como comprovante de renda, etc, etc, etc. Um exemplo de cartão internacional grátis, sem anuidade, é o Visa Petrobrás, do Banco do Brasil. O meu aceito de imediato pq tenho conta no Banco do Brasil. Conheço pessoas que tentaram mas o BB não aceitou, pois não tinham como comprovar renda ou tinha alguma restrição de crédito (não que tivesse na hora, mas alguma vez na vida teve e a restrição é eterna).
Exibir mais comentários