Arquivo Jogos

Esse gato vai fazer você odiar todos os outros gatos

Joguinho viciante da semana: Circle the cat

Trevis Bonifácio
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Sabe aquele desafio que é muito simples, mas na verdade é muito difícil? Esse é caso de Circle the cat. Nada muito complicado de se entender: o gato tentará escapar pelas laterais do tabuleiro e você deve impedi-lo. Um desafio bobo para uma sexta-feira monótona no trabalho. Você é capaz de prender o gato?

Eu sei, estamos na internet e na internet todos adoram gatinhos. Se você gosta, pode ser que você passe a odiar a raça. Esse gato negro fará de tudo para escapar de você. E você tem que admitir que ele conseguirá em praticamente todas as vezes. Clique com o mouse para fazer uma casa do tabuleiro mudar de cor, impedindo que o gato passe por ela. Faça o gato ficar sem movimentos possíveis e vença o jogo. Por falar em jogo, você acaba de perdê-lo.

[swfobj src=”https://tecnoblog.net/wp-content/uploads/2012/11/zcircle-the-cat.swf” width=”600″ height=”460″]

Após algumas partidas você começará a entender como funciona a cabeça desse pequeno gatinho safado, podendo até prendê-lo ocasionalmente, mas para masterizar a técnica de aprisionamento de gatos você terá que passar muito tempo estudando o comportamento do felino. Eu, particularmente, não dominei essa técnica milenar cultivada pelos orientais, embora seja bem sucedido algumas vezes.

O jogo não conta quantos passos você precisou para aprisionar o gato, portanto não há como fazer um ranking mundial de melhores circuladores de gatos, mas eu duvido que você consiga prendê-lo uma única vez.

Gato malandro

Gato malandro

Circle the cat foi indicação de um conhecido nosso, garoto muito querido da redação do Tecnoblog, Rafael Silva. Sim, ele mesmo! Tem dicas, sugestões ou reclamações? Entre em contato, ficamos felizes com seu contato. Epa, péra.

Trevis Bonifácio

Ex-redator

Trevis Bonifácio é formado em Tecnologia da Informação e apaixonado por game design. Cobriu diversos lançamentos no mundo dos jogos entre 2011 e 2015, período em que fez parte da equipe do Tecnoblog. Atua hoje como desenvolvedor de jogos para diferentes plataformas como Windows, macOS, Android e iOS.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque