Arquivo Aplicativos e Software

Como e por que desativar o Resume no OS X Lion

Thássius Veloso
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Quando o OS X Lion da Apple foi lançado oficialmente na Mac App Store, tenho certeza que muita gente comprou, baixou e instalou a atualização do sistema sem sequer olhar os requisitos mínimos para rodá-lo. E aí tem que se contentar com um MacBook branco idoso cujo desempenho caiu com o novo sistema — meu caso, mas pode ser o seu também.

Pelo menos um dos recursos exclusivos do Lion pode ser desativado para evitar que o desempenho continue inferior ao do Snow Leopard: Resume. Com ele, todos os aplicativos instalados no Mac são iniciados já com aquele documento/planilha/texto/whatever aberto. Se havia cinco documentos em uso no momento em que você fechou o Pages, aplicativo de edição de texto da Apple, esses cinco documentos serão reabertos.

A menos que você desabilite o Resume.

Review do Mac OS X Lion

Como desativar o Resume

Para desativar o Resume no Lion é tão fácil que você só precisa seguir esse caminho: menu Apple » Preferências do Sistema » Geral. Nessa tela você deve desmarcar a opção “Restaurar janelas ao encerrar ou reabrir arquivos” (ou o equivalente no idioma do OS X que você usa).

Desmarque a opção de Resume nas preferências do Lion

Vai levar algum tempo para que o Lion esqueça os ajustes de auto-resumo, dependendo de aplicativo para aplicativo. De modo geral, a recomendação é que o usuário desative o recurso e, em seguida, feche manualmente eventuais janelas que insistem em abrir na hora de iniciar um app.

Por que desativar o Resume

Essa é a parte espinhosa de sugerir que um usuário desative determinado recurso do sistema operacional. O principal motivo é o tempo de carregamento que o aplicativo leva para iniciar quando há mais documentos programados para abrirem automaticamente. É evidente que, quanto mais arquivos, mais tempo leva para iniciar o app.

Fiz o teste com o Pages utilizando o iStats Menu 3 (em período de demonstração gratuita) como referência. O pico no uso de CPU foi na casa dos 10% quando eu iniciei o aplicativo com apenas um documento em edição. Depois abri quatro documentos de uma vez, fechei o aplicativo e abri novamente: pico de 66% no uso de CPU.

iStats Menu 3 mostra pico no uso de CPU

No que diz respeito à memória RAM houve pouca variação de pontos percentuais na comparação do Pages com apenas um documento e o Pages com quatro documentos.

É evidente que esse teste não é balizado por nenhum parâmetro científico ou coisa que o valha. Mas é o que tem para hoje. 😛 Não havia outros aplicativos em execução no MacBook no momento em que o teste foi feito.

Há ainda um segundo motivo para desativar o Resume. No meu uso do computador, é muito raro retomar o uso de arquivos antigos sem ir nas pastas Documentos ou similares. Quando eu clico no ícone de um aplicativo, minha preferência é que ele abra um documento em branco porque assim eu posso imediatamente iniciar a minha tarefa — e se eu quisesse editar um arquivo já criado, eu iria atrás dele no Finder.

Thássius Veloso

Ex-editor-executivo

Thássius Veloso foi editor e editor-executivo do Tecnoblog de 2008 a 2014. Liderou o noticiário e cobriu de perto os maiores acontecimentos do mercado de eletrônicos de consumo, games e serviços. É jornalista, palestrante e apresentador de tecnologia na rádio CBN e no canal de TV por assinatura GloboNews.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque