Notícias Carro

Tesla Model S de US$ 74,5 mil começa a ser vendido no Brasil por R$ 745 mil

Paulo Higa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Os primeiros carros da Tesla chegaram ao Brasil, mas talvez você não possa comprá-los. O Model S, esportivo elétrico da montadora de Elon Musk, tem preços de tabela entre R$ 745 mil e R$ 785 mil, de acordo com o Estadão. É um pouquinho mais caro que nos Estados Unidos, onde eles custam a partir de US$ 74,5 mil.

Os Model S vendidos no Brasil serão importados pela Elektra Motors e poderão ser comprados na loja da empresa, na Avenida Europa, na zona oeste de São Paulo, local que também concentra concessionárias de outras marcas de luxo. Por enquanto, apenas os modelos 70 e 70D, que possuem baterias de 70 kWh, serão vendidos; eles têm autonomia de 370 km e 390 km, respectivamente.

Tesla Model S

A diferença entre os dois modelos está no motor: o Model S 70 tem apenas um motor elétrico traseiro de 387 cv e acelera de 0 a 100 km/h em 5,5 segundos, enquanto o Model S 70D, mais potente, possui dois motores, com potência total de 525 cv e aceleração em 5,2 segundos.

Curiosamente, os modelos brasileiros não estão mais sendo comercializados pela Tesla nos Estados Unidos; eles foram substituídos em maio pelos modelos 75 e 75D, com maior capacidade de bateria. Por lá, essas versões são vendidas por US$ 74.500 e US$ 79.500. Quem comprar um modelo até o final do ano tem direito a recarregar seu automóvel gratuitamente nos Superchargers da Tesla nas estradas.

tesla-model-s-3

Como aponta o Gizmodo Brasil, o Model S pode ser recarregado em tomadas de 110 volts, levando até 10 horas para completar a carga, mas há carregadores mais rápidos, como no Shopping Iguatemi, em São Paulo, nos quais é possível encher a bateria do veículo em 30 minutos.

O utilitário Model X também deve chegar ao Brasil, com previsão de início das vendas para dezembro, por cerca de R$ 800 mil. O Model 3, carro mais simples da Tesla, projetado para ter baixo custo, de apenas US$ 35 mil, será vendido no mercado brasileiro. Mas, se pensarmos em proporção de preços, eu não me animaria muito.

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista, com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque