Carros da Tesla sofrem com restrições de acesso a prédios da China

Governo chinês amplia locais em que carros da Tesla não podem circular. Preocupação está ligada com coleta de dados e modo sentinela

Felipe Freitas
Por
Tesla Model S (Imagem: Divulgação/Tesla)
Governo da China está bloqueando circulação de carros da Tesla próximo de prédios governamentais (Imagem: Divulgação/Tesla)

A China está ampliando a restrição de circulação de carros da Tesla no país. Agora, veículos fabricados pela montadora americana não podem entrar no perímetro de prédios públicos e nem em eventos organizados pelo governo do país. Antes disso, os carros da Tesla não podiam entrar em bases militares.

A atualização da política de circulação da China foi divulgada pelo jornal Nikkei Asia. O jornal apurou que o Grand Halls, um centro de eventos localizado em Shangai, está proibindo os carros da Tesla até de passarem próximo do espaço, que costuma ser usado para eventos culturais e exibições internacionais.

Restrição de circulação estaria ligada a coleta de dados da Tesla

É especulado que o motivo do governo ampliar a restrição de circulação de carros da Tesla está ligado a coleta de dados. No ano passado, o modo sentinela da Tesla levantou uma preocupação no país. Esse modo permite que os motoristas dos carros monitorem seus veículos à distância, podendo até filmar seus arredores.

Como funciona a direção autônoma (Imagem: Tesla/Divulgação)
Modo sentinela da Tesla gerou preocupação na China por poder filmar as proximidades do carro (Imagem: Tesla/Divulgação)

Isso pode ser usado para que alguém grave vídeos de lugares de interesse (sem falar em possíveis casos de stalking). Moradores de Chengdu, uma cidade com indústria militar, disseram em entrevista a Nikkei que algumas vias da cidade foram bloqueadas para motoristas da Tesla durante a Universíada (uma espécie de Olimpíadas Universitária).

Donos de Tesla no Weibo e WeChat, as duas principais redes sociais chinesas, relatam que receberam comunicados de órgãos públicos de diferentes cidades informando que seus carros estavam proibidos de entrarem em alguns lugares. O motivo alegado foi “risco de segurança”. Organizadores de eventos no Grand Halls também comunicam os participantes que carros da Tesla não são permitidos no local.

Tesla fez aceno à China, mas é peão em disputa maior

Elon Musk critica bitcoin e indica que Tesla pode vender suas reservas (Imagem: Steve Jurvetson/Flickr)
Elon Musk abriu data center na China e viaja regularmente para o país, mas questão não é ele (Imagem: Steve Jurvetson/Flickr)

Em agosto de 2023, a Tesla abriu na China um data center para melhorar a relação com o governo do país. A empresa informou que todos os dados de carros vendidos na China seriam armazenados localmente. Além disso, explicou que todos os dados coletados pelo modo sentinela fica gravado apenas no carro, sem possibilidade de ser acessado remotamente.

As restrições sobre os carros da Tesla surgem em um período ainda mais polêmico na disputa comercial entre Estados Unidos e China. Recentemente, os EUA sancionaram uma lei que pode banir o TikTok no país. Antes disso, a China proibiu o uso de iPhones para órgãos governamentais e de PCs com processador AMD e Intel nesses lugares.

Em resposta a Nikkei Asia, Abhilash Gupta, analista da Counterpoint, afirma que o aumento das restrições não deve afetar a Tesla. A montadora tem uma marca consolida no país e seus carros são considerados de luxo. Porém, Gupta destaca que, a médio e longo prazo, o público aparenta estar optando pelas fabricantes locais, como BYD, MG e JAC.

Com informações: Nikkei Asia e Drive

Receba mais sobre Tesla na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Freitas

Felipe Freitas

Repórter

Felipe Freitas é jornalista graduado pela UFSC, interessado em tecnologia e suas aplicações para um mundo melhor. Na cobertura tech desde 2021 e micreiro desde 1998, quando seu pai trouxe um PC para casa pela primeira vez. Passou pelo Adrenaline/Mundo Conectado. Participou da confecção de reviews de smartphones e outros aparelhos.

Canal Exclusivo

Relacionados