Intel

Sobre

A Intel é uma fabricante norte-americana de processadores e chipsets fundada em julho de 1968. Desde 2005 é comandada pelo CEO Paul Otellini. A multinacional possui sede em Santa Clara, na Califórnia e instalações em diversos países, como China, Malásia, Costa Rica e Filipinas, empregando mais de 100 mil funcionários ao redor do mundo. A palavra Intel significa Integrated Electronics. Em 2011, a empresa anunciou que passaria a produzir transístores 3D chamados de Tri-Gate, que possibilitariam a diminuição dos componentes internos do processador e do consumo elétrico.

Alguns chips Intel Pentium agora são Pentium Gold

12/10 às 16h02 por

Eis uma mudança de nomenclatura para ficar atento: os processadores Intel Pentium da geração Kaby Lake estão sendo atualizados para se chamarem Pentium Gold. Mas, por enquanto, eles são os mesmos chips de sempre. A Intel anunciou que, a partir de 2 de novembro, os processadores Penti

Intel testa processador projetado para aprender como o cérebro humano

26/09 às 10h38 por

Processadores inspirados no cérebro humano não são novidade, mas ainda não se provaram mais eficientes do que os tradicionais CPUs e chips gráficos. A Intel quer mudar isso com um novo "chip neuromórfico" para inteligência artificial. O processador se chama Intel Loihi, e imita a mecânica básica do cérebro usando 130 mil "neurônios de impulsos": em vez de processar informações de forma binária, em zeros e uns, eles medem o nível dos si

Coffee Lake: Intel anuncia processadores Core de 8ª geração para desktops

25/09 às 10h21 por

A linha de processadores da Intel está meio confusa: a empresa já revelou os primeiros chips Core de 8ª geração, mas eles não se chamavam Coffee Lake, como todos esperavam; em vez disso, a empresa lançou o Kaby Lake Refresh para notebooks. Ainda nesta geração teremos o Coffee Lake para desktops, que está sendo anunciado nesta segunda-feira (25).

Google e Intel se unem para criar carros que dirigem totalmente sem motorista

19/09 às 14h09 por

Diversas grandes empresas seguem investindo pesado em carros autônomos, e o Google é uma das mais proeminentes. Ela reforçou uma parceria com a Intel para criar veículos de nível 4 e 5 — isto é, que podem dirigir sem intervenção humana. Intel e Google vêm secretamente trabalhando juntas em carros autônomos desde 2009. Os veículos usam processadores Xeon, soluções de Gigabit Ethernet (para os componentes se comunicarem entre si) e FPGAs Arria (para visão computacional). Agora

Intel desiste do WiGig para laptops, e migra tecnologia para headsets VR sem fio

11/09 às 14h48 por

Há alguns anos, a Intel prometia um futuro com menos fios, graças a uma tecnologia que transmite dados em alta velocidade por distâncias curtas. Com o WiGig, você poderia aproximar seu laptop de um monitor compatível e criar uma conexão instantânea entre os dois. A ideia é bacana, mas nunca vingou. Por isso, a Intel anunciou que deixará de vender controladores e antenas WiGig para laptops. Em v

Intel anuncia os primeiros Core de 8ª geração (e eles não são o Coffee Lake)

21/08 às 09h42 por

A linha de processadores da Intel acaba de ficar um pouquinho mais complicada nesta segunda-feira (21): a empresa anunciou os primeiros chips Core de oitava geração. Eles deveriam se chamar Coffee Lake, mas são apenas atualizações do Kaby Lake e, por enquanto, consistem basicamente de processadores quad-core de 14 nanômetros para notebooks. Quatro modelos compõem a primeira leva, sendo dois Core i5 e dois Core i7, todos da família U, com TDP de 15 watts, quatro núcleos e oito threads (yay!). São eles: Core i5–8250U: 1,6 GHz (máximo de 3,4 GHz), 6 MB de cache L3, GP

Fiat entra em consórcio para ajudar a desenvolver carro autônomo

16/08 às 13h02 por

O consórcio formado por BMW, Intel e Mobileye para desenvolver um carro totalmente autônomo ganhou uma nova integrante: a Fiat Chrysler Automobiles. A montadora italiana assinou um acordo em que se compromete a colaborar com o grupo, que planeja lançar uma plataforma viável comercialmente até 2021. O acordo pode ter grande impacto no setor porque a FCA é dona de marcas automotivas bem conhecidas: além da Fiat e da Chrysler, a empresa detém nomes como Alfa Romeo, Dodge, Jeep e Maserati (a Ferrari também estava no meio,

Toyota, Intel e outras empresas vão criar rede para carros conectados

16/08 às 11h43 por

Quando o assunto é carro autônomo, pensamos em um veículo capaz de controlar a velocidade, parar diante de obstáculos e traçar rotas de modo inteligente. Mas a gente não costuma pensar que carros desse tipo precisam receber dados em tempo real para serem realmente eficientes. É por isso que companhias como Toyota, Intel e Ericsson uniram forças para criar um gigantesco sistema de comunicação para veículos.Para desenvolver o projeto, as mencionadas empresas formaram o Automotive Edge Computing Consortium (AECC). Não é difícil entender a relevância de um sistema de comunicação a

Intel libera informações completas do Core i9 com 18 núcleos

09/08 às 11h53 por

A Intel anunciou os processadores de alto desempenho Core X-series em maio e até liberou para review algumas unidades do Core i9-7900X, de dez núcleos. Mas faltava conhecermos as especificações completas dos modelos com 12, 14 e 18 núcleos. Pois bem, essas informações foram liberadas agora e confirmam que o carro-chefe da linha, o Core i9–7980XE, é mesmo um monstro, inclusive no preço. No total, a linha Core X-series engloba nove processadores, com o quad-core i5-7640X aparecendo como a opção mais barata: seu pre

Samsung tira liderança de 24 anos da Intel e se torna maior fabricante de chips do mundo

28/07 às 13h03 por

A Intel não é mais a maior fabricante de chips do mundo. Depois de 24 anos na liderança, a empresa foi oficialmente ultrapassada pela Samsung em receita de vendas de semicondutores, como já previam os analistas. As duas empresas divulgaram seus resultados financeiros nesta semana. A divisão de semicondutores da Samsung teve receita de US$ 15,8 bilhões no segundo trimestre de 2017, enquanto a Intel ficou com US$ 14,8 bilhões. Como informa a

Intel teria desistido de wearables para se concentrar em realidade aumentada

20/07 às 15h34 por

Troque os números por nomes tecnológicos e, provavelmente, o termo wearable será recorrente nas cartelas de bingo. Mas, apesar de estarem na moda (em alguns casos, literalmente), os wearables não são uma aposta segura para toda a indústria: a Intel, por exemplo, pode estar pulando fora do segmento. O TechCrunch havia relatado, em novembro do ano passado, que a Intel estava abandonando o navio dos dispositivos vestíveis. Pouco tempo depois, a companhia desmentiu. Agora,

Carregar mais posts