ARM

Sobre

ARM significa Advanced RISC Machine e é uma arquitetura de processadores desenvolvida para oferecer boa performance sem aumentar o gasto de energia ou o tamanho. Por esse motivo, processadores ARM são largamente utilizados em gadgets compactos, como smartphones, tablets, roteadores e até calculadoras. O ARM foi criado em 1983 e com o tempo foi ganhando características típicas de processadores para desktops, como núcleos múltiplos e clocks altos. Um exemplo é o Nvidia Tegra 3, que possui quatro núcleos de processamento e chega a 1,5 GHz.

Snapdragon 1000 deve enfrentar Intel em notebooks com Windows 10

25/06 às 11h53 por

A Microsoft se uniu à Qualcomm para lançar computadores com Windows 10 e processadores Snapdragon, que prometem alta duração de bateria e desempenho próximo ao de alguns modelos Intel Core. Desta vez, a Qualcomm está preparando um chip móvel chamado Snapdragon 1000, segundo o WinFuture. Ele foi pensado para os laptops de 2019, e pode acirrar ainda mais a concorrência com a Intel.

Snapdragon 850 é o chip da Qualcomm para portáteis com Windows 10

05/06 às 11h46 por

O Snapdragon 850 está vindo aí. Mas não pense que o chip é um sucessor direto do Snapdragon 845: se o plano der certo, a novidade vai marcar a entrada definitiva da Qualcomm no mercado de computadores portáteis, mais precisamente, no nicho que segue as propostas Always On ou Always Connected PC (ACPC), ou seja, equipamentos que estão sempre ligados e conectados.

ARM Cortex-A76 vai acelerar futuros smartphones e também laptops

01/06 às 18h10 por

A ARM é conhecida por sua arquitetura para processadores móveis, que é licenciada ou adaptada por empresas como Qualcomm, Samsung e MediaTek. Todo ano, ela lança atualizações para chips mais rápidos, e desta vez não foi diferente. A nova microarquitetura Cortex-A76 foi reprojetada do zero em relação à sua antecessora (A75) para fornecer desempenho "em nível de laptop", diz a ARM. Um processador com

Os processadores da Apple para Macs já devem estar sendo criados no novo laboratório

01/06 às 11h33 por

O rumor de um processador próprio da Apple nos futuros Macs acaba de ganhar mais força: a imprensa local noticia que a companhia de Tim Cook inaugurou, sem alarde, um laboratório de engenharia no estado americano do Oregon. As informações dão conta de que ex-funcionários da Intel estão trabalhando na região para criar chips personalizados. O projeto é chamado de Kalamata, como informou a

Google e Microsoft revelam nova falha em processadores similar ao Spectre

22/05 às 09h56 por

Lembra do Meltdown e Spectre? Ambos eram falhas que atingiam os processadores modernos; o Meltdown permitia que aplicativos acessassem a memória reservada ao kernel do sistema operacional sem autorização, e o Spectre afetava a execução especulativa dos processadores, permitindo que informações confidenciais fossem vazadas. Uma nova brecha, revelada pelo Google

Microsoft vai colocar suporte a apps de 64 bits no Windows 10 para ARM

06/04 às 12h05 por

O Windows 10 já roda em notebooks com processadores ARM, mas tem uma série de limitações, como a impossibilidade de executar aplicativos de 64 bits. Isso deve mudar a partir de maio, quando a Microsoft vai anunciar um kit de desenvolvimento (SDK) com suporte a ARM64. A informação foi revelada pelo gerente geral de Windows, Erin

Apple pode abandonar Intel e usar chips próprios em Macs a partir de 2020

02/04 às 15h42 por

Mais uma mudança de arquitetura está a caminho do macOS, se as informações da Bloomberg estiverem corretas. De acordo com a agência de notícias, a Apple planeja adotar processadores próprios nos Macs, assim como já faz nos iPhones e iPads, substituindo os chips da Intel. O projeto é chamado internamente de Kalamata e está em fase inicial de desenvolvimento. Ele seria parte de uma “estratégia para fazer com que todos os dispositivos da Apple, inclui

As limitações do Windows 10 rodando em chips ARM

19/02 às 10h03 por

Quando a Qualcomm apresentou os primeiros notebooks com Windows 10 e processadores com arquitetura ARM (estive no Havaí para conferir os produtos de perto), as promessas de computador sempre conectado e, principalmente, as 20 ou 22 horas de autonomia, me empolgaram bastante. No entanto, as limitações ainda não eram conhecidas: ele emula softwares x86, mas até que ponto? E será que meus gadgets que exigem drivers adicionais serão suportados? Essas e outras informações foram reveladas acidentalmente pela

EUA querem que empresas expliquem sigilo sobre as falhas Meltdown e Spectre

25/01 às 15h27 por

Apesar de terem sido reveladas no início do ano, as falhas Meltdown e Spectre foram reportadas à Intel, AMD, ARM e outras companhias em junho de 2017. Agora, o congresso dos Estados Unidos quer saber das empresas envolvidas as razões para problemas tão graves ficarem restritos a elas por tanto tempo. Para isso, o Comitê de Energia e Comércio do cong

Como proteger seu PC e smartphone contra as falhas Meltdown e Spectre

04/01 às 14h37 por

O mundo foi pego de surpresa com duas falhas de segurança que afetam quase todos os processadores lançados nos últimos 20 anos. O Meltdown e o Spectre permitem vazamento de informações sensíveis, independente do sistema operacional que estiver sendo executado. Felizmente, as maiores empresas de tecnologia já estão liberando atualizações para mitigar os problemas.

Meltdown e Spectre: as falhas que afetam quase todos os processadores do mundo

03/01 às 23h38 por

O ano de 2018 não poderia começar mais intenso no mercado de tecnologia: e se descobrissem uma vulnerabilidade que afetasse basicamente qualquer processador desenvolvido nas últimas duas décadas? Bom, foi exatamente isso o que aconteceu. Uma grave falha de segurança presente em chips da Intel tomou conta do noticiário: a vulnerabilidade permite que um

Não vai ser fácil lançar PCs com Windows 10 e processadores da Qualcomm

09/06/2017 às 11h23 por

Uma das grandes promessas para 2017 são os PCs com chips ARM e Windows 10. A Microsoft e a Qualcomm permitirão que softwares desenvolvidos para a arquitetura x86, utilizada em processadores da Intel e AMD, sejam executados por emulação. É a primeira vez na década que teremos uma nova (e forte) concorrente no mercado de chips para PCs. Mas tinha uma Intel no meio do caminho. Na quinta-feira (8), no aniversário de 39 anos do primeiro chip x86, o Intel 8086, a empresa

Carregar mais posts