Notícias Telecomunicações

As operadoras mais rápidas em 3G e 4G no Brasil

Paulo Higa
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A OpenSignal publicou uma versão atualizada do relatório que mostra a situação das operadoras móveis no Brasil. O estudo, feito com base em medições de 40,7 mil dispositivos, revela que a disponibilidade de sinal 4G aumentou no país e que a Claro continua na frente em velocidade de download, chegando a uma média de 29,21 Mb/s.

Todas as operadoras, com exceção da Vivo, aumentaram a velocidade de download no 4G em relação ao último relatório, de janeiro. Estas foram as empresas mais rápidas na rede móvel de quarta geração (entre parênteses, os valores do estudo anterior):

  1. Claro: 29,21 Mb/s (era 27,45 Mb/s)
  2. Vivo: 20,59 Mb/s (era 21,29 Mb/s)
  3. Oi: 15,27 Mb/s (era 14,61 Mb/s)
  4. TIM: 13,47 Mb/s (era 12,05 Mb/s)

No 3G, quem lidera em velocidade é a Nextel, que possui uma infraestrutura mais recente. Ela é seguida de perto pela Claro, que liderou no relatório anterior. Estas são as médias de download:

  1. Nextel: 4,61 Mb/s (era 2,26 Mb/s)
  2. Claro: 4,29 Mb/s (era 3,91 Mb/s)
  3. TIM: 4,03 Mb/s (era 3,46 Mb/s)
  4. Vivo: 3,3 Mb/s (era 3,39 Mb/s)
  5. Oi: 2,73 Mb/s (era 2,63 Mb/s)

Não há mais diferenças significativas na latência do 4G: as quatro grandes operadoras conseguem manter uma média entre 57 e 67 milissegundos, incluindo a Vivo, que costumava apresentar o tempo de resposta mais longo de todos. No 3G, a Nextel continua saindo na frente da concorrência (93 ms), enquanto a Oi fica na lanterna (138 ms).

Quanto o assunto é cobertura, TIM e Vivo ficaram muito à frente das outras, com 65,1% e 62,3% de disponibilidade de conexão 4G, respectivamente, contra 49,4% na Claro e 48,6% na Oi. A porcentagem indica o tempo em que os dispositivos testados permanecem no 4G, sem cair para uma rede de tecnologia anterior.

Leia mais: Qual operadora tem a melhor cobertura no Brasil?

É a primeira vez que uma operadora brasileira atinge mais de 60% de disponibilidade de 4G, mas ainda estamos bem atrás de outros países grandes, como Estados Unidos e Índia, onde a cobertura já passa de 80%. Na Coreia do Sul, que lidera o ranking, a população quase esqueceu o que é 3G: os aparelhos ficam 96,4% do tempo conectados ao LTE.

Como anda o 4G da sua operadora?

Paulo Higa

Editor-executivo

Paulo Higa é jornalista, com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. Trabalha no Tecnoblog desde 2012, viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. É coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque