WhatsApp vai destacar mensagens encaminhadas com mais frequência

O WhatsApp também trabalha para informar quantas vezes uma mensagem foi encaminhada

Victor Hugo Silva
Por
• Atualizado há 2 anos

O WhatsApp deseja oferecer mais informações a respeito das mensagens que você envia. Além de indicar quando elas foram entregues e lidas, o aplicativo passará a exibir também quantas vezes elas foram encaminhadas.

Segundo o WABetaInfo, a solução deve ser liberada nas futuras atualizações do mensageiro. De acordo com o site, o WhatsApp aproveitará a tela de informações sobre a mensagem para indicar o total de encaminhamentos que ela teve.

Para ver o alcance de sua mensagem, será preciso tocar e segurar sobre ela e selecionar a opção Dados. Como a opção é oferecida somente com o que foi enviado, não é possível saber quantas vezes algo que você recebeu foi encaminhado.

Neste caso, você deverá encaminhar a mensagem uma vez para fazer o aplicativo habilitar a tela de dados. Caso o conteúdo tenha sido repassado até 4 vezes, o app aponta a quantidade exata de vezes que isso aconteceu.

O WhatsApp não mostra o número se a mensagem tiver sido encaminhada 5 ou mais vezes. Quando isso acontece, há uma mudança no balão da mensagem que passa a apontar que ela é “frequentemente encaminhada”.

Esta parece ser mais uma ação do WhatsApp para impedir que spam e fake news se espalhem pelas conversas. Em janeiro, o aplicativo passou a limitar o encaminhamento para até 5 conversas, reduzindo a atuação de quem adota essa prática.

A nova solução não deve interferir no comportamento de quem dissemina informações, mas poderá ajudar os demais usuários a ficarem mais alertas sobre o que estão recebendo.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Victor Hugo Silva

Victor Hugo Silva

Autor

Victor Hugo Silva é formado em jornalismo, mas começou sua carreira em tecnologia como desenvolvedor front-end, fazendo programação de sites institucionais. Neste escopo, adquiriu conhecimento em HTML, CSS, PHP e MySQL. Como repórter, tem passagem pelo iG e pelo G1, o portal de notícias da Globo. No Tecnoblog, foi redator, escrevendo sobre eletrônicos, redes sociais e negócios, entre 2018 e 2021.

Relacionados