Início / Notícias / Internet /

Netflix pode seguir Globoplay e adaptar streaming no Brasil

Netflix deve limitar qualidade de streaming no Brasil para evitar sobrecarga na internet do país

Bruno Gall De Blasi

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A Netflix deve reduzir a qualidade do streaming no Brasil. A medida, que já se encontra em vigor na União Europeia, é uma ação da plataforma para evitar sobrecarga na internet durante o período de isolamento para combater o novo coronavírus, causador da COVID-19. Outras plataformas, como Globoplay e YouTube, também aplicaram o limite aos seus usuários.

Netflix / Kon Karampelas / Unsplash

O consumo de internet aumentou em quase todo o mundo durante o período de isolamento para combater a COVID-19. Por isso, tanto a Netflix quanto o YouTube reduziram a qualidade de vídeos na Europa, justamente para garantir o funcionamento pleno da internet no continente.

Agora, segundo o colunista Mauricio Stycer, do site TV e Famosos, a expectativa é de que a Netflix adote a mesma prática no Brasil. “Continuaremos a trabalhar com provedores de serviços de Internet e governos de todo o mundo e aplicaremos essas mudanças conforme necessário em outros lugares”, explica o serviço de streaming à coluna.

Globoplay: qualidade de streaming será limitada no Brasil

O Globoplay irá limitar a qualidade de streaming no Brasil. A partir desta segunda-feira (23), todas as novelas, filmes e séries da plataforma serão reproduzidos em HD (720p), sejam eles ao vivo ou não.

A decisão segue os passos da Netflix e do YouTube na Europa. Segundo a assessoria da Globoplay, “a medida só afeta o tráfego de dados, não havendo limites para a quantidade de vídeos nem para o total de horas consumidas”.

Além do Globoplay, outros serviços online de vídeo da Globo terão a qualidade reduzida da mesma forma. De acordo com Raymundo Barros, diretor de Tecnologia da Globo, a limitação é temporária e deverá ser imperceptível aos clientes – exceto para quem tem televisões com 65 polegadas ou mais.

Com informações: UOL (TV e Famosos) e Netflix