YouTube

Sobre

YouTube é um serviço de compartilhamento de vídeos criado em fevereiro de 2005 por ex-funcionários do sistema de pagamentos PayPal. Foi fundado com um capital de US$ 11,5 milhões, inicialmente com sede no andar superior de um restaurante japonês. O primeiro vídeo foi enviado no dia 23 de abril de 2005 e o serviço foi lançado oficialmente em novembro do mesmo ano. Em novembro de 2006 passou a ser controlado pelo Google, numa negociação de US$ 1,65 bilhão. Em abril de 2012 era considerado o terceiro site mais visitado do mundo, de acordo com o Alexa.

YouTube acaba com anotações nos vídeos

17/03 às 11h48 por

As anotações sempre foram uma dor de cabeça no YouTube, ao menos para os usuários. Aqueles blocos dinâmicos que os criadores adicionavam no vídeo depois que ele já foi ao ar serviam para acrescentar ou corrigir uma informação, ou para direcionar o usuário para outro vídeo. Mas há um problema com as anotações: eles não funcionam no celular. E, em um mundo em que dispositivos móveis representam 60% do tempo de exibição do YouTube, seria preocupante manter o recurso sem adaptá-lo ou matá-lo. Como de costume, o Google optou pela última opção, justificando que existem outr

Inteligência artificial do Google pode fazer buscas por objetos em vídeos

09/03 às 15h22 por

O Google já tem tecnologia capaz de identificar objetos ou certos tipos de detalhes em imagens. Isso é útil para ajudar o Google Photos a fazer classificação automática de fotos, por exemplo. Mas não parou por aí: a empresa anunciou um sistema de aprendizado de máquina que pode identificar objetos em vídeos. A tecnologia é uma API chamada Cloud Video Intelligence

Sites estão usando o Youtube para hospedar pornografia

16/01 às 18h50 por

O Google está se tornando involuntariamente o maior provedor de vídeos piratas do mundo. Apesar dos esforços da companhia em combater a postagem e a exibição de conteúdos protegidos por direitos autorais, uma brecha no YouTube está permitindo que sites de terceiros usem o serviço como uma plataforma de hospedagem de vídeos ilegais. Já faz algum tempo que essa

YouTube libera vídeos em HDR (agora só falta a TV)

07/11/2016 às 19h13 por

O YouTube anunciou nesta segunda-feira (7) que começou a liberar o envio e reprodução de vídeos em HDR, permitindo a exibição de imagens com contraste mais alto, sombras mais precisas e gama de cores mais ampla em dispositivos compatíveis com a tecnologia. O HDR é bastante utilizado em fotografia. A técnica combina imagens com níveis de exposição diferentes, possibilitando um alcance dinâmico maior — você consegue enxergar as áreas de sombra e os pontos de iluminação com maior clareza. Mais ou menos assim (a diferença real só pode ser vista em dispositivos com s

YouTube anuncia recursos para tornar os comentários menos ruins

03/11/2016 às 16h23 por

Existem poucos sites que competem com os grandes portais de notícias quando o assunto é baixo nível nos comentários, e um deles é o YouTube. Mas o Google quer mudar isso: nesta quinta-feira (3), a empresa anunciou uma série de ferramentas que prometem incentivar bons comentários, facilitar a moderação e tornar o YouTube um lugar menos insalubre.

Chrome permite tocar vídeos do YouTube em background no Android

16/09/2016 às 10h43 por

Quando você abre um vídeo no Chrome para Android e alterna para outro aplicativo, a reprodução é interrompida. Mas isso está mudando: a última versão de testes do navegador do Google permite continuar escutando o vídeo em plano de fundo. Isso funciona mesmo no YouTube, onde era necessário fazer gambiarras com aplicativos de terceiros. A novidade já está funcionando no Chrome Beta (54.0) e no Chrome Dev (55.0), conforme descoberto pelo An

Como deixar vídeos do YouTube rodando em segundo plano no Android

04/07/2016 às 13h10 por

O YouTube é um serviço de vídeos, mas às vezes a gente só quer ouvir o áudio do conteúdo disponível ali. Pode ser uma playlist de músicas ao vivo do seu artista preferido ou uma palestra, por exemplo. O problema é que, pelo menos no Android, o aplicativo oficial do YouTube para a reprodução quando a tela é desligada ou outro app fica em primeiro plano. E agora? Não se preocupe. Nas próximas linhas v

YouTube terá anúncios de 6 segundos que não podem ser pulados (a culpa é dos smartphones)

26/04/2016 às 18h03 por

A partir de maio, você passará a visualizar anúncios de 6 segundos que não podem ser pulados no YouTube. O novo formato de publicidade se somará aos já existentes no serviço de vídeos, como os pre-rolls de 30 segundos ou mais, que podem ser assistidos até o final caso você se interesse pela propaganda ou simplesmente ignorados. O motivo? O Google está focando num importante público (e plataforma). Uma pesquisa encomendada pelo YouTube mostra que metade dos usu

Carregar mais posts