Caixa Tem ganha atualização para reduzir espera na fila virtual

Para permitir que usuários passem menos tempo na fila virtual do aplicativo, a sessão do Caixa Tem será válida por 72 horas

Victor Hugo Silva
Por

O Caixa Tem, usado para fazer consultas relacionadas ao auxílio emergencial de R$ 600 e ao FGTS, ganhou uma mudança para reduzir a fila na sala de espera virtual. Este tem sido um dos problemas mais relatados pelos usuários, que apontam a lentidão para conseguirem acessar o aplicativo. Para tentar resolver o problema, a Caixa Econômica Federal vai ampliar a validade da sessão para 72 horas.

app caixa tem permite pagar contas com o auxílio emergencial

A ideia é evitar que usuários do Caixa Tem tenham que entrar na fila virtual por mais de uma vez nesse intervalo. Com a atualização, quem aguardar na sala de espera do aplicativo poderá acessar os serviços livremente durante três dias. Após esse período, a sessão é encerrada e é preciso entrar na fila mais uma vez.

Os erros no Caixa Tem se tornaram comuns desde a criação do auxílio de R$ 600, que aumentou a demanda pelo aplicativo. Os relatos de usuários envolvem desde a mensagem de erro 403 ao abrir a plataforma até problemas com o cartão de débito virtual, pagamento de boletos e consultas de saldo. Em alguns casos, o serviço também tem problemas para localizar contas.

A fila virtual, alvo da última atualização da Caixa, também apresenta erros. Alguns clientes apontam que o aplicativo não sai dessa tela durante horas e outros afirmam que, mesmo após superar a sala de espera, o serviço apresenta lentidão e não permite realizar ações como consulta de saldo e pagamento de boletos.

Em meio às reclamações, a Caixa afirma que clientes e beneficiários estão conseguindo realizar as operações. O banco afirmou ao UOL que seu aplicativo conta com 40 milhões de usuários, 1,2 bilhão de consultas de saldo e extrato, 17,7 milhões de boletos pagos e 3,5 milhões de compras via QR Code. A empresa também afirma que o Caixa Tem registra, em média, 500 mil usuários por hora e, por isso, podem ocorrer “intermitências momentâneas em alguns serviços”.

Relacionados

Relacionados