Pokémon GO é testado no headset Microsoft HoloLens 2 de realidade mista

Demonstração de Pokémon GO no HoloLens 2 da Microsoft é um conceito do que pode vir com o amadurecimento da tecnologia

Lucas Lima
Por

Parece que em breve a interação com os monstrinhos em Pokémon GO será ainda mais realista, isso porque a Niantic anunciou os testes do jogo no HoloLens 2, o headset da Microsoft para realidade mista — combinação do mundo real com o virtual. Será que, dessa vez, nos sentiremos verdadeiros treinadores Pokémon?

Conceito de Pokémon GO no HoloLens 2 (Imagem: Divulgação/Niantic)

Conceito de Pokémon GO no HoloLens 2 (Imagem: Divulgação/Niantic)

A proposta é usar tecnologia Microsoft Mesh, qual transporta jogadores do mundo real para o virtual, como um holograma, permitindo que as pessoas “se encontrem” para jogar, mas cada uma em seu espaço (ou casa).

Ainda que seja animador, é uma projeção para o futuro. Como apontou John Hanke, CEO da Niantic, em uma conversa via Zoom “As experiências que criamos, antecipamos um mundo onde há múltiplos headsets no mercado. Haverá várias plataformas (…) é uma ótima oportunidade para nós colocarmos as mãos cedo nesse tipo de coisa [na tecnologia]”.

Essa parceria foi revelada durante a conferência Microsoft Ignite, que ocorre entre os dias 2 e 4 de março, quando Hanke fez uma demonstração gravada do que poderia ser feito ao usar o HoloLens 2 com Pokémon GO.

No vídeo, Hank fez uma caminhada em um parque e tirou um Pikachu da Poké Bola. Em seguida, se encontrou com outra pessoa da equipe de Pokémon GO para batalhar em uma seção compartilhada de realidade mista (mas a batalha não aconteceu). O CEO da Niantic deixou claro que a exibição não se trata do produto final para consumidores.

Conceito de Pokémon GO no HoloLens 2 (Imagem: Divulgação/Niantic)

Conceito de Pokémon GO no HoloLens 2 (Imagem: Divulgação/Niantic)

Conceito de Pokémon GO no HoloLens 2 (Imagem: Divulgação/Niantic)

Conceito de Pokémon GO no HoloLens 2 (Imagem: Divulgação/Niantic)

“Nosso foco foi ponto a ponto com o HoloLens (…) é mais fácil de um ponto de vista conceitual, porque todo mundo já tem as mesmas suposições e interações. Mas, teoricamente, você pode imaginar um mundo no qual isso [o conceito] abrange telefones e a realidade aumentada e até mesmo a realidade virtual”, falou Hanke

Quando a tecnologia for mais acessível, o mundo de Pokémon GO já estará preparado, já que a Niantic tem recrutado jogadores para fazer o mapeamento de Pokéstops em realidade aumentada. O HoloLens 2 foi anunciado em 2019 e ainda é um produto para desenvolvedores.

Com informações: Microsoft, Niantic, CNET.

Lucas Lima

Editor-assistente

Lucas Lima trabalha no Tecnoblog desde 2019 cobrindo software, hardware e serviços. Graduou-se em Jornalismo em 2018 e se formou técnico em Informática em 2014, mas respira tecnologia desde 2006, quando ganhou o primeiro computador e varava noites abrindo janelas do Windows XP. Teve experiências com comunicação no poder público e no setor de educação musical antes de atuar na estratégia de conteúdo e SEO do TB.

Relacionados

Relacionados