Notícias Computador

Nvidia GeForce GTX 1630 é oficial, mas não espere muito desempenho

GeForce GTX 1630 é uma placa de vídeo com 4 GB de memória e TDP de 75 W que vem para ser uma opção de entrada da Nvidia

Emerson Alecrim
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Quem acha que a linha de placas de vídeo GTX não seria mais atualizada, achou errado. Ainda que sem fazer alarde, a Nvidia revelou, nesta semana, o modelo GeForce GTX 1630. Trata-se de uma GPU de custo relativamente baixo. A novidade deve disputar espaço com a AMD Radeon RX 6400.

GeForce GTX 1630 da Zotac (imagem: reprodução/EVGA)
GeForce GTX 1630 da Zotac (imagem: reprodução/EVGA)

O lançamento dessa placa não é, exatamente, uma surpresa. Nos últimos dias, surgiram vários rumores sobre a chegada da GeForce GTX 1630. O que causa algum espanto é a decisão da Nvidia de seguir por esse caminho, afinal, a empresa tem a GeForce GTX 1650 como opção de entrada há algum tempo.

Mas não há mistério. A Nvidia está simplesmente diversificando as suas opções, desta vez, com uma placa barata (pelo menos lá fora), mas capaz de oferecer uma experiência minimamente decente em jogos. Ou quase isso.

Se a companhia fosse aberta a denominações diferentes, a novidade poderia ser chamada de “GeForce GTX 1650 Lite”. Ou algo assim. As duas GPUs são estruturalmente iguais. Como destaca o Tom’s Hardware, ambas são baseadas no chip Turing TU117. Até o TDP é o mesmo: 75 W.

A maior diferença entre elas está na quantidade de núcleos CUDA: 896 núcleos na GTX 1650; 512 na GTX 1630.

Eis as especificações da GeForce GTX 1630:

  • 512 núcleos CUDA
  • Frequência de 1.740 MHz (1.785 MHz em boost)
  • Chip TU117 de 12 nanômetros
  • 4 GB de memória GDDR6
  • Interface de memória de 64 bits
  • Largura de banda de 96 GB/s (gigabytes por segundo)
  • Interface PCI Express 3.0
  • TDP de 75 W

Note que essa não é uma placa de vídeo RTX, razão pela qual não há suporte a ray tracing aqui.

Nvidia GeForce GTX 1630: vale a pena?

Quando eu disse, acima, “experiência minimamente decente em jogos”, me referi a títulos não muito avançados em gráficos. Isso porque o TechPowerUp testou uma placa de vídeo GeForce GTX 1630 e, bom, o modelo não se saiu bem em benchmarks de games.

De fato, os resultados não foram animadores. Em boa parte dos testes, a placa não conseguiu passar de 30 fps em resolução 1080p. Nos mesmos benchmarks, a Radeon RX 6400 apresentou um desempenho superior. Detalhe: o modelo da AMD tem suporte a ray tracing.

GeForce GTX 1630 da EVGA (imagem: reprodução/EVGA)
GeForce GTX 1630 da EVGA (imagem: reprodução/EVGA)

Existia alguma expectativa de que a GeForce GTX 1630 viesse para ocupar o espaço da GeForce GTX 1050 Ti. Mas, com base nos resultados dos testes, o TechPowerUp posicionou a novidade como uma provável substituída da GeForce GT 1030, um modelo lançado há seis anos.

Seja como for, soa incoerente colocar a GeForce GTX 1630 como rival da Radeon RX 6400. O modelo da AMD é tecnicamente melhor. Mesmo assim, a novidade da Nvidia pode ser interessante para jogos casuais ou para quem busca mais desempenho em vídeos, por exemplo.

Disponibilidade e preço

Ainda não há informações oficiais sobre disponibilidade e preço da GeForce GTX 1630. Porém, a expectativa é a de que a placa comece a chegar ao mercado nas próximas semanas. Nos Estados Unidos, o preço oficial deve ficar na casa dos US$ 150.

Asus, EVGA, Gigabyte, MSI e Zotac estão entre as marcas que lançarão placas baseadas na GeForce GTX 1630.

Emerson Alecrim

Autor / repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais, negócios e transportes. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém um site chamado InfoWester.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque