Intel Arc A770 chega em outubro para brigar com GeForce RTX 3060

Arc A770 vem para ser a placa de vídeo mais potente da Intel em jogos; modelo tem 16 GB de memória GDDR6, ray tracing e XeSS

Emerson Alecrim
Por

Esta terça-feira (27) é o primeiro dia do Intel Innovation 2022. No evento, a companhia fez o anúncio oficial dos primeiros chips Core de 13ª geração. Mas eles não vêm sozinhos. Pat Gelsinger, CEO da empresa, revelou que a placa de vídeo Intel Arc A770 chega em 12 de outubro. Podemos dizer que ela surge para disputar mercado com a GeForce RTX 3060.

Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)
Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)

Também dá para dizer que a nova placa de vídeo da Intel vem para enfrentar a Radeon RX 6650 XT. Isso porque, nos Estados Unidos, a Arc A770 terá preço sugerido de US$ 329, o que a coloca na mesma faixa de preços dos mencionados modelos da Nvidia e AMD: US$ 369 para a RTX 3060; US$ 339 para a RX 6650 XT (com possíveis variações).

Sabíamos que a Arc A770 estava a caminho. Só não havia informação sobre data de lançamento. Aliás, esse detalhe demorou tanto para ser revelado, que houve até quem suspeitasse que a Intel cancelaria o produto antes de lançá-lo.

Não cancelou. E, convenhamos, não faria sentido cancelar. O modelo A770 faz parte da família Intel Arc 7, a mais potente da companhia. A GPU conta com 32 núcleos Xe, frequência base de 2,1 GHz e até 16 GB de memória GDDR6, só para citar algumas de suas características.

Mas e o desempenho?

Os números são importantes, mas é a prática que dirá se a placa de vídeo mostra serviço. Há rumores de que alguns veículos e especialistas estrangeiros já estão com unidades da Arc A770 para testes. Isso sugere que a Intel está bastante confiante quanto ao desempenho da placa.

O problema é que essas análises só devem ser divulgadas na primeira semana de outubro. Até lá, temos que nos contentar com as informações passadas pela própria Intel.

Pois bem, Gelsinger declarou que a A770 tem até 65% mais desempenho em ray tracing do que a concorrência. Ele não informou o nome do modelo rival usado no comparativo, mas, em ocasiões anteriores, a Intel fez referências à placa GeForce RTX 3060. Se não for dela, a companhia deve estar falando da RTX 3060 Ti.

Em um vídeo divulgado nesta terça-feira, a Intel acrescentou que a Arc A770 tem duas vezes mais desempenho graças à implementação do XeSS. Novamente, a GPU de comparação não foi citada, mas continuo achando que é a GeForce RTX 3060.

Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)
Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)

Em tempo, a XeSS é uma tecnologia de renderização criada pela Intel em resposta aos padrões Nvidia DLSS e AMD FSR. A exemplo das tecnologias das concorrentes, ela usa aprendizagem profunda para sintetizar imagens.

Mas, novamente, são os testes independentes que vão mostrar o que a Arc A770 é capaz de fazer.

É verdade que, na fase inicial, algumas limitações de desempenho podem aparecer, a exemplo do que aconteceu com a Arc A380. No entanto, esses problemas, se realmente surgirem, podem ser amenizados ou até corrigidos com novos drivers ou otimizações em jogos específicos. Assim, dá para manter boas expectativas.

Sobre a Arc A750, o modelo imediatamente abaixo da Arc A770, a Intel ainda não divulgou preço sugerido e data de lançamento. Por outro lado, os primeiros processadores Core de 13ª geração foram confirmados hoje.

Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)
Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)

Intel Arc A770 — ficha técnica

  • Núcleos Xe: 32
  • Unidades de ray tracing: 32
  • Unidades Xe Engines Extensions (XMX): 512
  • Frequência base: 2.100 MHz
  • Memória: 8 ou 16 GB de GDDR6
  • Interface de memória: 256 bits
  • Largua de banda de memória: 560 GB/s
  • Consumo: 225 W

Relacionados

Relacionados