Intel aumenta desempenho de placas de vídeo Arc Alchemist em até 123%

Nova atualização do driver da GPU melhora performance do hardware com a API DirectX 9; Intel lançou oito updates desde outubro

Felipe Freitas
Por
Placa de vídeo Intel Arc (imagem: reprodução/Intel)
Placa de vídeo Intel Arc (imagem: reprodução/Intel)

Uma nova atualização do driver das GPUs Intel Arc está melhorando — e muito — o desempenho das placas em DirectX 9. De acordo com a Intel, em alguns parâmetros, o ganho de performance é de 123%. As GPUs da empresa tiveram problemas de desempenho no lançamento, mas o “lado azul da força” promete que está focada no suporte do hardware.

A série Intel Arc foi lançada em 2022, com as versões para notebooks chegando no início do ano. Em junho, a Intel Arc A380 estreou a linha para desktops. Em outubro, a empresa lançou as placas de vídeo A750 e A770 — estas com versões de 8 GB e 16 GB, seguindo o problema da RTX 4070 da Nvidia.

Um padrão nas reviews das GPUs Intel Arc é que a placa tem bugs, mas espaço para evoluir. Com os novos drivers, oito desde outubro, da Intel mostra que não vai abandonar as primogênitas — pelo menos não tão cedo.

Novo driver para Intel Arc faz desempenho saltar em DX9

O salto digno de Olimpíadas é do desempenho da Intel Arc A770 de 8 GB em CS:GO, rodando com a API Directx 9. A empresa afirma que a GPU entregou um ganho de 123% no quesito “99 percentil”, mas aqui no Brasil a média de 1% low é mais popular para representar esse desempenho. Ela está relacionada ao quão fluído é a taxa de quadros do jogo.

Essa medida mostra a variação de uma média, ou, no caso de jogos, os gargalos de desempenho. Por exemplo, imagine uma gameplay com uma média de 60 fps. Na teoria, foram 60 quadros por segundo. Mas isso nunca acontece em 100% do tempo. Se 1% low da jogatina foi de 15 fps, quer dizer que os quadros não foram exibidos “tão constantemente”. Quanto maior esse número, mais fluído é a imagem exibida, pois significa que não houve uma grande variação na produção dos quadros.

Mas claro, ganhos tão altos não vêm com um PC qualquer. Os testes foram realizados com equipamentos topo de linha: processador Intel Core i9 13900K, placa-mãe Asus ROG Maximus Z790 Hero e duas memórias DDR5 de 16 GB.

A Intel também mostrou que a atualização do driver, quando comparado ao lançamento, aumentou a média de fps em outros jogos populares. Em League of Legends, a taxa subiu 40%. Em The Elder Scrolls V: Skyrim, o ganho foi de 57%. No geral, a Intel afirma que o desempenho dos jogos testados em DirectX 9 cresceu 43%.

Aumento na média de fps com nova atualização de driver (Imagem: Divulgação/Intel)
Aumento na média de fps com nova atualização de driver (Imagem: Divulgação/Intel)

Suporte mostra que a Intel está séria com as suas GPUs

As oito atualizações de drivers da Intel estão resolvendo os bugs e problemas de desempenho das Intel Arc. Quem comprou uma GPU da empresa na estreia fez uma aposta e ela começa a se pagar. Essas evoluções de performance mostram que a Intel está focada em melhorar o seu produto atual. Além de sinalizar que a próxima geração aprenderá rápido com os erros atuais.

As placas de vídeo da Intel chegaram otimizadas para as APIs DirectX 12 e Vulkan. A empresa justificou que “GPUs novas são para jogos novos”. Ao aprimorar o desempenho para DirectX 9, a companhia mostra que soube ouvir os clientes — e que poderia queimar a sua imagem.

Placa de vídeo Arc A770 (imagem: divulgação/Intel)
Placa de vídeo Arc A770 é a flagship, mas compete com intermediárias de 2020 (Imagem: Divulgação/Intel)

O início das GPUs Intel Arc não foi dos melhores — e isso era até esperado. A Intel está reestreando no segmento de placas de vídeo, enquanto a Nvidia e AMD estão há anos nessa briga. Os problemas enfrentados pelo lado azul da força são naturais, incluindo o fato de que suas GPUs competem com as intermediárias da série RTX 3000 e RX 6000, lançadas em 2020.

A Intel deve lançar mais drivers no decorrer de 2023, algo que agradará os clientes e deve resolver mais problemas da Arc. Analisando rapidamente, esse suporte para as GPUs é útil para reforçar a imagem com o consumidor. E quem vê de fora começa a colocar a Intel Arc no radar de compra. Nos Estados Unidos, o preço baixou após melhorias na fabricação da placa.

Com informações: Extreme Tech

Relacionados