Google Duplex na web, que usa IA para aplicar cupons e pagar compras, é encerrado

Google optou por descontinuar versão da ferramenta lançada em 2019; recursos do assistente não terão mais suporte a partir de dezembro de 2022

Paula Alves
Por

Por meio de um aviso publicado em sua página de suporte, o Google anunciou ter encerrado o Google Duplex na web, uma versão do seu assistente pessoal que automatizava tarefas em sites. Lançado em 2019, o recurso usava inteligência artificial para ajudar usuários na compra de ingressos no cinema e na aplicação de cupons de desconto em lojas, por exemplo.

Logotipo do Google
Google (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

Anunciado na conferência Google I/O de 2019, o Google Duplex na web nasceu como uma variante do Google Duplex, um recurso desenvolvido pela empresa que faz o Google Assistente agir como um humano ao telefone.

Ainda em funcionamento (apenas a versão para web foi descontinuada), o assistente consegue realizar algumas atividades no lugar do usuário, como agendar uma reserva em um restaurante e até marcar um horário de corte de cabelo.

Parecida com a original, a versão para sites surgiu pouco tempo depois, disponibilizando novas funções, só que dessa vez em endereços eletrônicos.

Graças a ela, se tornou possível fazer pedidos em sites de restaurantes, alterar senhas, aplicar cupons de desconto e até fazer check-in no voo de uma companhia, tudo de maneira automatizada.

Google Duplex (imagem: reprodução/Google)
Google Duplex (imagem: reprodução/Google)

Recentemente disponibilizadas no Brasil, as ferramentas chegaram por aqui em versões incompletas. Dentre as funcionalidades não liberadas estava a reserva automática em estabelecimentos via telefone, uma das mais populares entre os usuários desde que a tecnologia foi anunciada.

Google quer priorizar recurso para telefone

Ao TechCrunch, um porta-voz do Google disse que a descontinuidade da ferramenta está ligada à resposta que a empresa vem tendo de seus usuários e desenvolvedores em relação à popularidade e melhorias do recurso.

“Até o final deste ano, desativaremos o Duplex na Web e nos concentraremos totalmente em fazer avanços de IA para a tecnologia de voz Duplex, que mais ajuda as pessoas todos os dias”, esclareceu o funcionário.

Apesar da declaração, é de supor que outros fatores também estejam ligados ao encerramento da versão. Dentre eles, o próprio uso excessivo de recursos que a ferramenta na web necessita – e que podem ser facilmente bloqueados por alguns endereços eletrônicos.

Além disso, recentemente, um relatório do The Information trouxe à tona que o Google estaria cortando recursos do Assistente, especialmente no que diz respeito a dispositivos de terceiros.

Com informações: TechCrunch, 9to5Google e Google

Relacionados

Relacionados