Brasil é um dos países que mais visita o ChatGPT, segundo pesquisa

Estados Unidos e Alemanha ficam na frente do Brasil, que tem mais pessoas do sexo masculino entre os visitantes do ChatGPT

Ricardo Syozi
Por
(Imagem: Unsplash / Jonathan Kemper)
Página do ChatGPT (Imagem: Unsplash / Jonathan Kemper)

O ChatGPT é um chatbot desenvolvido pelo laboratório de pesquisas norte-americano OpenAI, que consegue responder perguntas e realizar tarefas a partir de comandos do usuário. Há muitos propósitos para suas habilidades, algo que o brasileiro vem demonstrando grande interesse em 2023. De acordo com uma pesquisa, o Brasil é um dos cinco países que mais acessam a página da inteligência artificial, com 4,3% do total do tráfego.

O estudo foi realizado pela Semrush, plataforma de gerenciamento de visibilidade online, que pegou dados de janeiro de 2023 em relação ao tráfego do site da OpenAI, assim como as buscas na internet sobre o assunto.

Dessa forma, a companhia divulgou que a página do ChatGPT teve 863 milhões de acessos globalmente, um crescimento de 42119.2% em relação ao mesmo período de 2022. A explosão de informações e a popularização da IA é um dos fatores predominantes para esse aumento.

O Brasil é o quinto país que mais visitou o site da OpenAI em janeiro desse ano, representando 4,3% do tráfego mundial. A sua frente estão nomes como os Estados Unidos e a Índia. O top 5 ficou assim:

  1. Estados Unidos (19,5%);
  2. Alemanha (5,9%);
  3. França (5,7%);
  4. Índia (4,7%);
  5. Brasil (4,3%).

Vale notar o interesse do brasileiro na tecnologia, pois a quinta posição representa que o nosso país ficou na frente de outras nações bastante desenvolvidas, como o Reino Unido e a Espanha. Em fevereiro de 2023, o ChatGPT chegou ao Bing da Microsoft, aumentando ainda mais sua popularidade pelo mundo.

Robô humanoide sentado e segurando tela
Inteligência artificial (imagem: Andrea De Santis / Unsplash)

Homens são os que mais usaram o ChatGPT no início de 2023

Ainda segundo a pesquisa da Semrush, o perfil dos usuários e visitantes da página da OpenAI apresentou um domínio do sexo masculino. 89% do tráfego relacionado ao ChatGPT foi realizado por homens no primeiro mês de 2023. As principais visitas foram feitas por jovens de 18 a 24 anos (35.3%) e jovens adultos de 25 a 34 anos (47.6%).

No quesito “buscador de internet”, o mês de janeiro de 2023 se deparou com um crescimento de 167801.2% no termo “ChatGPT” em comparação ao mês de novembro de 2022. Além disso, as pessoas usaram o termo “gerador de texto IA” por 40.500 vezes nesse período. Como resultado, isso colocou esse vocábulo no primeiro lugar em buscas sobre ferramentas de inteligência artificial.

Erich Casagrande, Líder de Marketing da Semrush no Brasil, destacou a importância desse tipo de pesquisa:

Monitorar as pesquisas online é essencial para especialistas entenderem quais são as principais dúvidas da população sobre determinados assuntos. Com a ascensão do ChatGPT e IA, a curiosidade aumenta na mesma medida e, com isso, as buscas na internet.

Com informações: Semrush.

Receba mais sobre ChatGPT na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Ricardo Syozi

Ricardo Syozi

Ex-autor

Ricardo Syozi é jornalista apaixonado por tecnologia e especializado em games atuais e retrôs. Já escreveu para veículos como Nintendo World, WarpZone, MSN Jogos, Editora Europa e VGDB. No Tecnoblog, autor entre 2021 e 2023. Possui ampla experiência na cobertura de eventos, entrevistas, análises e produção de conteúdos no geral.

Canal Exclusivo

Relacionados