Gorilla Glass DX leva mais proteção e menos reflexos aos wearables

Nas versões Gorilla Glass DX e DX+, nova tecnologia tem propriedades que facilitam a visualização da tela em dias claros

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Gorilla Glass DX

O Gorilla Glass 6 não é a única novidade da Corning nesta semana: a companhia também anunciou as tecnologias Gorilla Glass DX e Gorilla Glass DX+. Ambas são voltadas a smartwatches e outros wearables, e vêm para substituir o padrão Gorilla Glass SR+, que é usado no Samsung Gear S3, por exemplo.

Cada nova geração da tecnologia Gorilla Glass traz promessa de mais resistência a quedas e arranhões. Com os vidros Gorilla Glass DX e Gorilla Glass DX+ não é diferente. Porém, a Corning ressalta que eles têm um atributo adicional: permitem que o usuário visualize o conteúdo do visor mais facilmente.

Faz sentido. Smartwatches e afins são frequentemente usados ao ar livre durante o dia, quando a claridade do ambiente pode ofuscar as informações exibidas pelo dispositivo. O Gorilla Glass DX / DX+ combate o problema reduzindo o reflexo em até 75% na comparação com vidros convencionais.

Além disso, as novidades contam com uma propriedade que pode incrementar o contraste em até 50%, diminuindo a necessidade de aumento de brilho e, assim, poupando a bateria. Que propriedade é essa? É uma informação que a Corning mantém em segredo — a companhia não costuma dar detalhes sobre a composição química dos seus vidros.

Gorilla + smartwatch

Uma pergunta natural é o que difere a versão DX da DX+. A Corning explica que as duas trazem as mesmas propriedades ópticas, mas que o Gorilla Glass DX+ é um pouco mais resistente a arranhões.

A Corning sinalizou para um detalhe interessante: a companhia espera que a tecnologia do Gorilla Glass DX / DX+ seja empregada em smartphones. Mas tudo indica que isso só ocorrerá em versões futuras. É possível que, no atual estágio, as propriedades antirreflexivas não funcionem em telas maiores.

Como os novos vidros foram anunciados recentemente, ainda não há informações sobre quais dispositivos contarão com eles.

Com informações: AnandTech.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados