Fã do Windows Phone instala versão final do sistema em um MacBook

Youtuber dá um jeitinho de colocar Windows 10 Mobile em um MacBook velho. Surpreendentemente, sistema e apps funcionam no computador da Apple.

Giovanni Santa Rosa
Por
MacBook mostrando a interface da tela inicial do Windows Phone
Martin Nobel usou um HD que estava sobrando e um MacBook 2008 (Imagem: Reprodução/YouTube)

O youtuber Martin Nobel conseguiu um feito: ele instalou o Windows 10 Mobile em um modelo velho de MacBook. Ficou meio estranho, como você poderia esperar, mas só o fato de funcionar já é surpreendente.

O Windows 10 Mobile era a versão para smartphones do Windows 10. Ele foi a última iteração do projeto Windows Phone da Microsoft.

Apesar de algumas boas ideias de design e uma base de usuários leais, o sistema operacional não conseguiu fazer frente a Android e iOS. Ele acabou sendo cancelado pela empresa em 2017, que deixou de fornecer suporte em 2020.

Windows Phone 8.1 rodando no Lumia 520 (Imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)
Windows Phone 8.1 rodando no Lumia 520 (Imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Mesmo assim, alguns fãs continuam brincando com o Windows 10 Mobile. Na época, a Microsoft prometeu um SO que seria capaz de funcionar em qualquer aparelho. Os entusiastas tentam fazer este destino se cumprir, nem que seja em um MacBook.

Nobel, que toca o canal de YouTube Nobel Tech, usou um MacBook do fim de 2008. Ele diz que qualquer MacBook com processador Intel lançado entre 2006 e 2012 deve servir.

Além disso, são necessários o arquivo VHD do Windows 10 Mobile (que vem no Visual Studio 2015), um HD SATA e um PC com PowerISO, para criar o disco bootável. Pode ser necessário usar alguma ferramenta no MacBook para conseguir iniciar com o disco, como rEFIt ou rEFInd.

Windows 10 Mobile no MacBook tem até apps

Incrivelmente, esta gambiarra funciona. O MacBook passa a funcionar com Windows 10 Mobile.

A interface do sistema ocupa toda a tela do notebook da Apple. As Live Tiles, aqueles quadradinhos que servem de atalho e informações rápidas, ficam esticados. O mesmo acontece com botões de configurações. Já notificações e menus deixam muito espaço livre na tela.

Os apps do sistema funcionam. No vídeo, Nobel abre o calendário, a calculadora, o relógio, o explorador de arquivos e até o Word.

Algumas coisas são bastante curiosas. O modo multitarefas aproveita melhor o espaço da tela e mostra duas linhas com os apps abertos. Já a tela de configurações tem uma barra lateral e uma interface parecida com a de um PC.

Como a Microsoft nunca conseguiu fazer o Windows Phone emplacar, não dá para saber onde o Windows 10 Mobile poderia chegar. Do ponto de vista técnico, ele continua sendo viável, ainda que na base do improviso e do jeitinho.

Com informações: XDA-Developers

Receba mais sobre Windows Phone na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Giovanni Santa Rosa

Giovanni Santa Rosa

Repórter

Giovanni Santa Rosa é formado em jornalismo pela ECA-USP e cobre ciência e tecnologia desde 2012. Foi editor-assistente do Gizmodo Brasil e escreveu para o UOL Tilt e para o Jornal da USP. Cobriu o Snapdragon Tech Summit, em Maui (EUA), o Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre (RS), e a Campus Party, em São Paulo (SP). Atualmente, é autor no Tecnoblog.

Canal Exclusivo

Relacionados