Fone de ouvido da Nokia é homologado pela Anatel e vendas podem iniciar em breve

Fabricante finlandesa lançará fone de ouvido pela primeira vez no Brasil; produto do tipo over the ear já está disponível em outros países

Felipe Freitas Everton Favretto
Por e
Nokia WHP-101
Nokia WHP-101 é homologado no Brasil (Imagem: Divulgação/Nokia)

A Nokia já pode vender o seu fone de ouvido WHP-101 no Brasil. O produto recebeu a certificação da Anatel na última segunda-feira (15), com o pedido de homologação requerido pela Multilaser. O fone de ouvido, do tipo concha (over the ear) e com Bluetooth 5.1, foi lançado em abril de 2022.

Há anos fora da liderança dos dispositivos mobile e “apagada” da memória do público brasileiro — ainda que lance celulares por aqui —, a Nokia segue a sua produção de eletrônicos. O fone de ouvido WHP-101 é um dos vários dispositivos de áudio vendido pela finlandesa mundo afora. O produto será fabricado na China.

Fone de ouvido da Nokia promete bateria de longa duração

O maior atrativo do fone de ouvido WHP-101 da Nokia é a sua bateria, com promessa de entregar 60 horas de uso. O equipamento tem capacidade de 800 mAh.

A fabricante diz que o fone é carregado completamente em 2h30 minutos. O dispositivo tem uma entrada USB-C. O cabo de carregamento vem com o fone de ouvido.

O WHP-101 possui drivers de 40 mm, microfone para realizar chamadas e não conta com cancelamento de ruído ativo. Este fone de ouvido da Nokia é um produto mais básico, que compete com os modelos de entrada e custo-benefício das suas concorrentes.

Nokia WHP-101 em fotos do pedido de certificação (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)
Nokia WHP-101 em fotos do pedido de certificação (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

A Nokia disponibiliza duas cores para o fone WHP-101: preto e branco. Ainda na parte de design, o WHP-101 é um produto leve (188 g), possui conchas dobráveis — algo muito comum em fones sem fio — e ajuste no arco da cabeça. No tamanho fechado, sem aumentar o arco, o fone de ouvido mede 203 mm de altura, com 175 mm de largura e conchas com 75 mm de “raio”.

Com a estreia desse fone no Brasil, fica no ar a dúvida sobre os planos da Nokia por aqui. A fabricante também possui earbuds e fones over the air premium em seu portfólio. O sucesso ou fracasso do WHP-101 deverá influenciar a chegada dos outros produtos da linha.

Relacionados